Animal não conseguia sair do tanque, que era forrado de plástico e fazia com que a anta escorregasse

Policiais Militares de Campo Grande foram acionados por moradores de uma fazenda, localizada na saída para São Paulo, a 20 km da cidade, depois de avistarem uma anta que teria caído dentro de um tanque de água utilizado para irrigação de lavoura e não conseguia sair.

Os policiais rapidamente foram ao local ontem (22) no final da tarde e perceberam que o animal não conseguiria sair sozinho, em razão de o tanque ser forrado com uma manta de polietileno de alta densidade (PAD) e, quando tentava sair, escorregava. A anta já estava extremamente cansada de nadar, então, rapidamente com uso de cambões e cordas, a equipe da PMA, com ajuda dos moradores, conseguiu retirar a anta do tanque. Os policiais calculam que o animal pesaria acima de 200 kg.

O animal deu muito trabalho para sair, pois devido ao medo das pessoas que puxavam a corda, ele tentava recuar e chegou a cair dentro do tanque novamente. Então, os Policiais conseguiram ficar de lado para o tanque e ele se afastou da água. A equipe percebeu que o bicho não apresentava ferimentos e nem outro problema de saúde e o soltou no local. O tanque era cercado apenas de um lado e a PMA orientou ao proprietário para cercá-lo totalmente.

Comentários