Homens não tinham licença e terão de pagar multa de R$ 300 para recuperar os equipamentos

Policiais Militares Ambientais de Três Lagoas estão intensificando a fiscalização na região conhecida como Cascalheira, no rio Paraná, principalmente depois que receberam denúncias sobre pesca predatória no local. Ontem (8) à tarde, uma equipe realizava operação preventiva naquela região e autuou dois pescadores por pesca ilegal. Eles pescavam embarcados e, apesar de não estarem pescando de forma predatória, eles não possuíam a licença ambiental.

Os infratores, de 41 e 56 anos, residentes em Três Lagoas, não haviam capturado pescado ainda. Um molinete e uma carretilha com varas foram apreendidos. Eles foram autuados administrativamente e foram multados em R$ 300,00 cada um. A pesca sem licença não é crime ambiental. Trata-se apenas de infração administrativa. Pagando a multa, os infratores poderão ter o material apreendido restituído.

Comentários