22/02/2012 16h09 – Atualizado em 22/02/2012 16h09

Polícia Militar encerra “Operação Carnaval” com balanço positivo

Notícia MS

A Operação Carnaval 2012 realizada pela Polícia Militar de Mato Grosso do Sul durante a folia de Momo, com reforço do policiamento nos principais pontos de aglomeração da Capital e do interior foi positiva.

CAPITAL

Em Campo Grande, a operação resultou na retirada de circulação de pessoas em débito com a justiça, apreensão de armas e recuperação de veículos, deixando a comunidade mais segura no feriado.

De 17 a 22 de fevereiro, a PM autuou ativamente para garantir a tranquilidade do campo-grandense e do visitante durante a festa. Com viaturas de quatro e duas rodas, policiamento ostensivo a pé e a cavalo, os policiais militares intensificaram as abordagens e impediram que pessoas mal-intencionadas tentassem estragar a diversão das famílias.

Prova disso é o aumento de mais de 35% no número de mandados cumpridos: 23 contra 17 em 2011. Sete pessoas foram capturadas apenas na terceira noite. Outro reflexo importante está na apreensão de armas de fogo que triplicou, na comparação com a operação do ano passado: seis ao invés de duas.

“Isso é fundamental porque conseguimos cumprir nossa função primeira que é a prevenção. Com as abordagens, checagens e buscas pessoais, nossos policiais conseguiram evitar que crimes acontecessem a partir da ação de foragidos e de pessoas armadas, que poderiam acabar com a diversão das pessoas de bem”, avaliou o tenente-coronel Messias Lima de Mesquita responsável pela operação do Comando de Policiamento Metropolitano.

RECUPERAÇÃO

Bom resultado também na recuperação de veículos. Os policiais militares atuantes na Capital e na região metropolitana recuperaram 16 veículos, cinco somente na primeira noite. O número é quase 80% maior que em 2011. No total, 550 pessoas foram abordadas e 269 veículos vistoriados.

Houve ainda redução no número de roubos a postos de combustível (2 para 1), a farmácias (3 para 1) e roubos de veículos (7 para 3). Destaque também para a inocorrência do crime de estupro. O número negativo ficou por conta dos homicídios, com dois casos. No ano passado, não houve registro de crime desse tipo em Campo Grande, durante o carnaval.

TRÂNSITO

A PMMS também registrou queda de mais de 20% no número de acidentes de trânsito ocorridos na Capital durante a folia: 121 para 96. Nos casos com vítima a redução foi de 13,5%: 59 para 51. Infelizmente numa dessas ocorrências, na primeira noite de festa, houve uma morte. “Nada pode compensar uma vida perdida, mas estamos trabalhando diariamente para evitar que novos casos aconteçam. Fazemos blitze diárias, orientamos condutores, mas precisamos da colaboração de todos. As pessoas têm que ser cuidadosas no trânsito, respeitar os sinais e zelar pelas outras pessoas. Apesar da fatalidade, vemos que estamos no caminho certo, da fiscalização e orientação em parceria, para fazer o nosso trânsito cada vez mais humano”, avaliou o comandante da Companhia Independente de Polícia Militar de Trânsito, tenente-coronel Alirio Villasanti.

INTERIOR

No interior do Estado, o policiamento também foi reforçado, especialmente nas cidades turísticas e com carnaval de rua. Mais de oito mil pessoas foram abordadas, 387 detidas, 181 presas em flagrante, 16 em razão de mandado de prisão. Foram apreendidas 11 armas de fogo e 13 veículos recuperados. Houve apenas um homicídio, registrado em Dourados, nos cinco dias de folia.

“O sucesso de nossa operação é fruto do planejamento feito em conjunto pelo comando e de acordo com a peculiaridade de cada região. Estamos tendo sucesso graças ao esforço de cada policial militar”, disse o comandante do policiamento do interior, coronel Nelson Antonio da Silva.

A cidade de Corumbá, dona da maior festa do Centro-Oeste, teve um dos carnavais mais tranquilos dos últimos anos, sem registro de homicídios e redução no número de ocorrências. “Nossos homens se empenharam, recebemos reforço de efetivo e, conseguimos dar segurança para a nossa população e visitantes, não só nos circuitos do carnaval como em toda Corumbá e Ladário”, avaliou o comandante do 6º BPM, tenente-coronel Waldir Ribeiro Acosta.

Os resultados apresentados pelas unidades da Capital e do interior foram considerados positivos pelo comandante-geral da PMMS, coronel Carlos Alberto David dos Santos. “A PM está aprimorando seu serviço, diariamente, com a participação da população. A cada operação avaliamos nossas ações e trabalhamos para melhorar nosso desempenho. Em mais uma grande festa popular, conseguimos dar tranquilidade aos sul-mato-grossenses. Não só àqueles que participaram da folia, mas também aos que optaram por descansar. Abusos foram coibidos, pessoas mal-intencionadas detidas e a segurança garantida”, avaliou.

Policiais de Três Lagoas
Foto: 2ºBMP

Comentários