08/04/2019 11h00

Homem queixava-se de fortes dores de cabeça e no peito e precisou de massagem cardíaca para sobreviver

Gisele Berto

Na tarde da última sexta-feira (5) policiais do 2° Batalhão de Polícia Militar realizaram o resgate de um idoso de 69 anos que estava deitado no acostamento da MS-444, no acesso à Usina Hidrelétrica de Ilha Solteira.

O pedido de socorro chegou via 190. Uma testemunha – um jovem de 25 anos – ligou para pedir ajuda, pois tinha visto um idoso deitado no acostamento da rodovia. Segundo o jovem, o estado de saúde do homem era crítico.

Na mesma hora os policiais foram ao local. Segundo a testemunha, o carro que o homem dirigia oscilava pela rodovia até parar. O homem, então, teria descido do carro e caído no acostamento da rotatória.

Quando chegaram ao local os policiais prestaram os primeiros socorros à vítima, que se queixava de fortes dores no peito e na cabeça. A vítima chegou a perder a consciência, mas os policiais fizeram massagens cardíacas e o reanimaram.

Assim que a ambulância chegou ele foi colocado em uma maca e um policial o acompanhou, monitorando seus sinais vitais até que chegaram ao Pronto Socorro, onde permaneceu sob os cuidados do médico plantonista.

Os policiais, CB Rafael e CB Gatto, enfatizaram a importância de ter conhecimento das noções de primeiros socorros e sempre fazem uma reciclagem nessa área. Após a alta da vítima a guarnição entrou em contato com o médico que atendeu ao senhor, que relatou se não fosse à rápida ação da Polícia Militar o idoso não sobreviria.

Segundo o CB Rafael “foi uma ocorrência tensa, em que a polícia não se depara todos os dias, mas que felizmente, teve um final feliz”.

Idoso foi salvo por policiais em Selvíria. Foto: Divulgação

Comentários