28/07/2008 10h01 – Atualizado em 28/07/2008 10h01

O crescimento da população e da renda das famílias indicam reflexo no aumento do consumo e do desenvolvimento empresarial em Mato Grosso do Sul. Conforme dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), de 1980 a 2000 a população local aumentou em 52% e ficou acima da média de crescimento demográfico nacional.

 

Levantamento do Sebrae/MS publicado no livro “Grandes Oportunidades para Pequenos Negócios em MS” aponta que em todas as regiões do Estado, o setor de açougues é um negócio lucrativo, observado o potencial médio no Cone Sul para novos empresários.

 

O estudo também mostra que o consumo de carne bovina é maior que o de outros tipos de carne, como frango e peixe. Enquanto a média brasileira de consumo de carne é de 38 a 40 kg por pessoa, entre os sul-mato-grossenses é de 55kg por pessoa/ano.

 

A pesquisa revela que Três Lagoas tem potencialidade do consumo de 100%, depois vem Corumbá com 97,89%, e na seqüência, Dourados com 97,4% e por fim Campo Grande com 96,68%.

Comentários