06/03/2012 08h38 – Atualizado em 06/03/2012 08h38

Ação preventiva e educativa de combate à dengue e leishmaniose espera participação maciça da comunidade

Assessoria de Comunicação

O Projeto Eco Artes criado para desenvolver a sensibilidade artística de crianças e jovens de escolas rurais é uma realidade em Três Lagoas. A intenção do projeto é que os alunos criem o hábito de observar a riqueza e a beleza disponível na natureza ao seu redor, onde a matéria-prima para suas criações pode ser encontrada no seu habitat.

Para Branca Emy Tanaka, responsável pelo setor de artes plásticas do Departamento de Cultura, a terra, sementes, carvão e outros materiais retirados da natureza são úteis e belos que juntos podem compor um belo trabalho artístico. “Os alunos tê acesso aos materiais, basta despertar neles a criatividade”, afirma.

De acordo com Branca, este trabalho “cria disciplina e concentração nos alunos”. Todo o trabalho desenvolvido por Branca é baseado em arte terapia.

Os alunos da Escola Municipal de Educação no Campo Antônio Camargo Garcia, na fazenda Vera Cruz, já foram beneficiados pelo projeto. Branca ressaltou o fundamental apoio da diretora e coordenadora da escola, conforme diz a responsável pelo setor de artes plásticas do Departamento de Cultura.

Outra escola da Rede Municipal de Ensino a ser beneficiada é a Escola Municipal de Educação no Campo Elma Garcia Lata Batista, no Distrito de Garcias, onde será desenvolvido projeto com argila e cerâmica. Se atentando ao fato que a arte molda o pensamento e age no físico e no mental.

Prefeita Márcia Moura lança amanhã o programa “Saúde na Comunidade”
Foto: Assessoria de Comunicação

Comentários