25/01/2019 08h04

Após reclamação da moradora, que sofria com a presença de animais peçonhentos e com a falta de segurança causada pelo mato alto, a Prefeitura começou a faxina na área particular hoje. Com mais de 38 mil m², limpeza da área deve gerar mais de 70 caminhões de entulho

Gisele Berto

Cansada de reclamar dos vizinhos que jogavam lixo em uma área de mais de 30 mil m² no Jardim das Oliveiras, a moradora Erêndira Benites fez uma denúncia ao Perfil News, contando que estava com medo dos animais peçonhentos que já tinha encontrado na região.

Além disso, a moradora, mãe de um bebê de colo, estava preocupada com o lixo acumulado, que servia de berço para o mosquito da dengue. Com o mato alto, também agravava-se a questão da segurança.

Dez dias após a publicação da reportagem as máquinas da prefeitura começaram hoje a limpeza da área. São 38 mil metros que, além do mato, acumularam sujeira, móveis velhos e todo tipo de entulho.

Em uma hora de trabalho a Secretaria de Obras retirou 20 caminhões de entulho, O serviço deve se estender até esse sábado e, ao final, cerca de 70 caminhões de sujeira devem sair da área.

E quem pagará pelo trabalho é o dono do terreno. Segundo o chefe do departamento de obras, Osmar Dias, a conta vai vir “ardida”: pela limpeza é cobrado 1 UFIM por m². cada UFIM custa R$ 4,79, o que daria mais de R$ 180 mil só pelo trabalho de limpeza. Fora a multa, de 1% do valor venal da área.

“O proprietário foi notificado e não se manifestou. Tivemos que alugar máquinas e deslocar toda a logística da prefeitura, que deveria estar cuidando da manutenção da cidade, para limpar uma área particular. Mas a conta vai chegar para o dono do terreno e, se não for paga, entrará em cadastro na dívida ativa”, disse Osmar.

Feliz com a limpeza da área, Erêndira comemora. “Valeu a pena. Agradeço ao Perfil News, à prefeitura e ao prefeito Ângelo Guerreiro por ter mandado limpar a área. Agora estou respirando aliviada”.

Dias lembra que todos os bairros terão esse serviço de limpeza. “Todos os donos de lotes sujos foram notificados. Caso não tenham providenciado a limpeza a prefeitura vai limpar e mandar a conta. Quero reiterar que vamos passar em todos os bairros. Pode demorar um pouco, devido à logística e ao tamanho da cidade, mas vamos passar em todos”, enfatizou.

DISQUE DENÚNCIAS

Segundo Osmar, a população pode denunciar os terrenos sujos e, caso veja alguém despejando entulho em áreas particulares ou não, pode anotar a placa e passar para a fiscalização. “Às vezes nós acabamos de limpar e, no dia seguinte, já tem lixo jogado”.

Para realizar as denúncias de terrenos baldios sujos, o telefone é (67) 3929-1126.

O sujão vai receber a notificação do Departamento de Infraestrutrura e uma multa da Secretaria do Meio Ambiente, já que jogar lixo em área urbana é crime ambiental;

Caminhões e retroescavadeiras estão fazendo o trabalho, que durará dois dias e deve retirar mais de 70 caminhões de entulho da área particular. Foto: Ricardo Ojeda.

Feliz da vida pela limpeza da área, Erêndira comemora:

Comentários