22/01/2019 15h32

Secretaria de Assistência Social, responsável pelo prédio, terá 15 dias, a partir de hoje, para providenciar a limpeza do espaço

Gisele Berto

Após notificar de forma genérica a todos os proprietários de lotes na cidade para que mantenham seus terrenos limpos, a Prefeitura de Três Lagoas está cumprindo a determinação de um decreto lançado em outubro de 2017: quem não mantiver seu terreno limpo será multado e terá o lote limpo compulsoriamente pela prefeitura. Ou seja, as máquinas públicas farão o trabalho e a conta vai para o dono.

E isso vale, também, para a própria prefeitura. Hoje, 22, a Secretaria de Infraestrutura expediu uma notificação contra o CRASE Coração de Mãe, na avenida Clodoaldo Garcia, exigindo a limpeza da área.

De acordo com a notificação, “o imóvel não está em ideal estado de limpeza e conservação”. Após a limpeza, a direção do CRASE terá que avisar o Departamento de Fiscalização para agendamento de nova vistoria.

Caso a notificação não seja cumprida, a Prefeitura irá lavrar um auto de infração e cobrará a multa de 1% do valor venal do terreno – dinheiro que será pago pelo responsável pelo setor e não sairá dos cofres da prefeitura.

“A administração não está preocupada em proteger seus imóveis próprios. O prefeito Ângelo Guerreiro determinou o cuidado com todos os imóveis do município e aquele que não estiver adequado vai ser notificado. Não é só a população que está sendo afetada pela obrigação”, afirmou Assessor Jurídico da Prefeitura, dr. Luiz Gusmão.

O OUTRO LADO

Quem assinou a notificação foi a própria Secretária de Assistência Social, Vera Helena Arsioli Pinho. “Nós já tínhamos pedido para o pessoal fazer a limpeza da área, mas como as aulas só começam em fevereiro, a equipe deixou para fazer mais perto do início das aulas. Aí choveu e o capim acabou crescendo muito. Já fui atrás de pessoal para resolver isso aí”, afirmou Vera.

Apesar do “puxão de orelha”, a Secretária aprovou a medida. “Esse surto de dengue não está para brincadeira. Temos que ser os primeiros a dar exemplo. Não adianta a gente cobrar a população e fazer vista grossa para dentro da nossa casa”, disse.

O prefeito Ângelo Guerreiro disse ao Perfil News que baixou uma portaria interna avisando que até mesmo secretários serão notificados e multados caso não cuidem dos locais pelos quais são responsáveis. “O exemplo precisa vir de dentro e ordem dada tem que ser ordem cumprida”, afirmou.

Veja abaixo a notificação na íntegra.

*(atualizado em 23 de janeiro, às 10h44, para correção de informações)

Prefeito de Três Lagoas, Ângelo Guerreiro, baixou portaria interna comunicando que prédios públicos também seriam notificados, em caso de má conservação. Foto: Arquivo Perfil News.

Comentários