No mesmo dia em que o Perfil News publicou uma reportagem sobre o assunto, reproduzindo informações da Prefeitura e do Detran de que não havia focos do mosquito no local, a Secretaria de Saúde fez nova varredura e encontrou quatro focos “logo de cara”

O setor de Endemias e Controle de Vetores da Diretoria de Vigilância em Saúde e Saneamento da Prefeitura de Três Lagoas realizou, na manhã desta quarta-feira, 12, uma nova vistoria em busca de focos de mosquitos da dengue no pátio da regional do Detran na cidade.

O pente-fino veio no mesmo dia em que o Perfil News soltou uma reportagem dizendo que a Prefeitura acompanhava “de perto” a situação do pátio em relação à proliferação do aedes Aegypti no local onde estão depositados os veículos apreendidos, na sua maioria, pelo Pelotão de Trânsito da Polícia Militar e pelos Agentes Municipais de Trânsito, em blitzes nas vias urbanas.  São caminhões, motocicletas, carros de passeio e utilitários.

Em informação repassada ontem, 11, ao Perfil News, tanto a assessoria de imprensa da Prefeitura quanto do Detran afirmaram que não havia focos de dengue no local. A comunicação do Detran ainda afirmou que o órgão “nunca havia sido notificado” a esse respeito.

A Prefeitura afirmou que as varreduras ocorriam a cada 15 dias e que a próxima ocorreria até o final desta semana. Mas o processo acabou ocorrendo hoje e, ao contrário da informação anterior, foram encontrados criadouros do aedes Aegypti no local.

Segundo o Coordenador de Endemias e Controle de Vetores, Alcides Divino Ferreira, a vistoria contou também com o acompanhamento de um servidor do Detran, que procurou, na medida do possível, esvaziar de imediato os formados depósitos de água, propícios à criação de mosquitos.

“Logo de cara, localizamos quatro focos criadouros com larvas do Aedes aegypti. Um deles foi encontrado em uma das inúmeras motocicletas que aqui estão depositadas”, mostrou Alcides.

A equipe de Agentes de Endemias estava iniciando uma ações de “verdadeiro pente fino”, para localizar e eliminar os focos de Dengue, dentro e fora dos veículos apreendidos.

O coordenador do Setor de Endemias e Controle de Vetores informou que a direção do Detran-MS será informada sobre o resultado desta ação, “para que tome as devidas providências”, disse Alcides.

Comentários