18/04/2013 08h52 – Atualizado em 18/04/2013 08h52

O Programa oferece 269 cursos de qualificação profissional distribuídos por 45 cidades de Mato Grosso do Sul

Todas as cidades do bolsão serão beneficiadas, o programa busca diminuir o déficit de mão de obra qualificada no setor industrial e inclui cursos gratuitos com recursos próprios do Senai

Ricardo Mendes

Com a presença de prefeitos e representantes de 45 municípios de Mato Grosso do Sul, o presidente da Fiems, Sérgio Longen, lança, nesta sexta-feira (19/04), às 14 horas, no auditório do Edifício Casa da Indústria, em Campo Grande (MS), a edição 2013 do Senai Educa Qualificação, maior programa de formação profissional de Mato Grosso do Sul, que oferece, ao longo deste ano, 52.777 vagas gratuitas em 269 cursos de qualificação profissional distribuídos por 45 cidades.

Criado em julho do ano passado, o Programa busca reduzir o déficit de mão de obra qualificada no setor industrial e inclui cursos gratuitos com recursos próprios do Senai e em parceria com o Pronatec (Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego).

“Trata-se da maior disponibilização de cursos de educação profissional do Estado e faz parte da nossa ação de aumentar a atuação do Senai no oferecimento de cursos de formação profissional para as indústrias.

O Programa Senai Educa integra o empenho de solucionarmos um dos nossos principais mercados, que é a formação de pessoas para o mercado de trabalho”, reforçou Fiems, Sérgio Longen. Já o diretor-regional do Senai, Jesner Escandolhero, acrescenta que essa oferta significativa de vagas em diversas áreas tecnológicas demonstra o compromisso da entidade e do Sistema Fiems com o desenvolvimento industrial do Estado.

“Essa oferta de vagas é histórica para Mato Grosso do Sul e representa um grande empenho do Senai em enfrentar o problema da falta de pessoas qualificadas para trabalhar nas indústrias do Estado”, disse Jesner Escandolhero.

Ele acrescenta que, neste rol de ofertas, todas as áreas tecnológicas estão contempladas, com aumento expressivo das regiões de realização dos cursos. “Ao todo serão 45 municípios com cursos presenciais, além da oferta de cursos a distância que poderão ser frequentados por qualquer pessoa que possua os requisitos de ingresso e em qualquer local”, detalhou.

As 45 cidades beneficiadas neste ano pelo Senai Educa são Água Clara, Amambai, Anastácio, Angélica, Aparecida do Taboado, Aquidauana, Bandeirantes, Bataguassu, Batayporã, Brasilândia, Caarapó, Campo Grande, Cassilândia, Chapadão do Sul, Corumbá, Costa Rica, Coxim, Deodápolis, Dourados, Eldorado, Glória de Dourados, Inocência, Ivinhema, Jardim, Ladário, Maracaju, Miranda, Mundo Novo, Naviraí, Nioaque, Nova Alvorada do Sul, Nova Andradina, Novo Horizonte do Sul, Paranaíba, Ponta Porã, Ribas do Rio Pardo, Rio Brilhante, Rio Verde, Santa Rita do Pardo, São Grabiel do Oeste, Selvíria, Sidrolândia, Sonora, Terenos e Três Lagoas.

As cidades do bolsão serão todas atendidas pelo programa Senai Educa 2013 (Foto: Assessoria Senai)

Comentários