11/11/2006 16h12 – Atualizado em 11/11/2006 16h12

Campo Grande News

A PM (Polícia Militar) concluiu hoje a transferência de 28 presos condenados por tráfico de drogas da cadeia de Miranda. Ontem, 15 detentos foram levados para a penitenciária de Dourados e na tarde deste sábado, oito foram removidos para o presídio de Corumbá e cinco para Aquidauana. O transporte dos presos suscitou polêmica e expôs a precariedade na segurança pública. A transferência ainda não havia acontecido por falta de viatura. Três veículos com capacidade para o transporte de presos – um Micro-ônibus, uma Iveco e uma Ducatto – aguardam conserto.

 Durante a semana, o juiz Paulo Alfonso Oliveira, da comarca de Miranda, decretou a prisão do comandante da Companhia de Guarda e Escolta da PM, major Reginaldo Medeiros, e ameaçou decretar a prisão do secretário Raufi Marques (Justiça e Segurança Pública) se não houvesse a remoção dos presos. Na cadeia de Miranda, 70 homens ocupam três celas.

Comentários