02/10/2015 12h38 – Atualizado em 02/10/2015 12h38

Pelo transporte, o motorista disse que receberia R$ 5 mil e desconhecia quem o havia “contratado” para o serviço

Assessoria

Durante fiscalização de rotina, no final da tarde de ontem (01), no km 420 da BR-060, às 17h, foi abordado o veículo I/VW Amarok CD 4×4, com placas de Goiânia/GO, conduzido por um segurança de 46 anos. Após solicitação do CRLV do veículo e CNH do condutor, foi apresentado à equipe o CRLV com suspeita de inautenticidade.

Foi feita então uma vistoria minuciosa nos elementos de identificação veiculares. Constatou-se que o chassi, o motor e os vidros estavam remarcados bem como as etiquetas autodestrutíveis falsas. Verificou-se que o veículo original possui placas de Brasília/DF, com ocorrência de roubo no dia 18/08/2015 na Capital Federal, conforme Boletim de Ocorrência.

Sobre o veículo, o condutor disse que buscou a caminhonete na BR- 020 em Planaltina/GO, que iria deixá-la em Ponta Porã no Shopping China com a chave em cima do pneu e que desconhece o nome da pessoa que o contratou e que iria receber R$ 5.000,00 pelo serviço.

Ocorrência encaminhada para a Delegacia de Polícia Civil de Sidrolândia, assim como o veículo, o CRLV e o preso.

(*) PRF/MS

Durante a vistoria, a PRF descobriu a remarcação do veículo. (Foto: Assessoria)

Comentários