26/12/2012 11h08 – Atualizado em 26/12/2012 11h08

PRF divulga balanço parcial da “Operação Fim de Ano” e registra 4 acidentes com morte no feriado

Só na região do bolsão foram registrados dois acidentes com duas mortes

Cristiane Vieira

A Delegacia de Polícia Rodoviária Federal de Três Lagoas divulgou nesta manhã (26) o resultado parcial da “Operação Fim de Ano”. No período que corresponde o feriado de Natal de 21 a 25 de dezembro foram registradas várias ocorrências e vários condutores foram autuados, dentre eles 5 motoristas presos e 11 notificados por conduzir veículos sob efeito de álcool. A “Operação Fim de Ano” acontece até o dia 01 de janeiro de 2013.

ACIDENTES

Comparado ao mesmo período de 2011 foi registrado um maior número de vítimas. Em 2011 foram atendidos 13 acidentes que resultaram em 09 feridos. Já em 2012, foram atendidas 10 ocorrências que resultaram em 17 feridos e um óbito.

Em Três Lagoas foi registrado um acidente com morte no dia 21 (sexta-feira), na BR 158 em frente ao aeroporto municipal Plínio Alarcon, quando uma mulher, que conduzia uma motocicleta, entrou na rodovia sem obedecer ao sinal de preferencial e colidiu com um caminhão. A motociclista teve a cabeça esmagada pela roda do caminhão.

No Km 81 da BR 267, em Bataguassu também aconteceu um acidente com morte. Uma moto CG 150 Fan, de Bataguassu, invadiu a pista contrária colidindo lateralmente contra um Ford F250, com placas de Três Lagoas, e com um Crossfox, com placas de Sorocaba-SP. O motoclista, um homem de 37 anos, morreu. Os condutores dos outros veículos não sofreram ferimentos graves

NÚMEROS

No período de 21 a 25 de dezembro foram registrados 72 acidentes, 60 pessoas ficaram feridas e 4 morreram. Fazendo um comparativo em número de acidentes houve uma redução de 26,5% comparado a 2011. Já no caso de vítimas fatais a redução de 63,60%, com 4 mortes em 2012 e 11 em 2011.

Desde o começo da “Operação Fim de Ano”, em 21 de dezembro, até ontem (25) foram realizados 784 testes de alcoolemia, 41 pessoas foram autuadas e 30 delas presas.

Na região do bolsão foram registrados dois acidentes com morte. Foto: Arquivo/Perfil

Comentários