16/02/2012 09h37 – Atualizado em 16/02/2012 09h37

Capital News

A implantação dos núcleos contribuirá na economia dos municípios, uma vez que contratará profissionais para atuarem no programa

Os materiais do Programa Segundo Tempo já estão na Fundesporte. O convênio, feito com o Ministério do Esporte, assegura ao Estado um recurso financeiro de R$ 3 milhões para desenvolvimento do programa. Em Mato Grosso do Sul serão 80 núcleos, distribuídos em todo interior.

Além dos benefícios educacionais proporcionados à população escolar, a implantação dos núcleos contribuirá na economia dos municípios, uma vez que contratará profissionais para atuarem no programa. O processo seletivo para preenchimento das vagas está previsto para março. Ao todo, serão 167 vagas disponíveis.

O Segundo Tempo tem como público alvo crianças, adolescentes e jovens, com idade entre 06 e 17 anos, prioritariamente matriculados em escolas públicas e que estão em situação de vulnerabilidade social. Cada núcleo funcionará 20h e atenderá cerca de 100 pessoas, com atividades esportivas em contraturno escolar. As atividades serão orientadas por um Coordenador de Núcleo (professor de Educação Física) e por um Monitor Esportivo (acadêmico de Educação Física). As crianças participarão de atividades esportivas diversas, aprendendo modalidades coletivas e individuais.

Confira os municípios contemplados com o Programa:

Água Clara, Alcinópolis, Amambaí, Anastácio, Anaurilândia, Angélica, Antônio João, Aparecida do Taboado, Aquidauana, Aral Moreira, Bandeirantes, Bataguassu, Batayporã, Bela Vista, Bodoquena, Bonito, Caarapó, Camapuã, Caracol, Cassilândia, Chapadão do Sul, Corguinho, Coronel Sapucaia, Costa Rica, Coxim, Deodápolis, Dois Irmãos do Buriti, Douradina, Dourados, Eldorado, Fátima do Sul, Figueirão, Glória de Dourados, Guia Lopes da Laguna, Iguatemi, Inocência, Itaporã, Itaquiraí, Ivinhema, Japorã, Jaraguari, Jardim, Jateí, Juti, Ladário, Laguna Carapã, Maracaju, Miranda, Mundo Novo, Naviraí, Nioaque, Nova Alvorada do Sul, Nova Andradina, Paranaíba, Paranhos, Pedro Gomes, Ponta Porã, Porto Murtinho, Ribas do Rio Pardo, Rio Brilhante, Rio Negro, Rio Verde de MT, Rochedo, Santa Rita do Pardo, São Gabriel do Oeste, Selvíria, Sete Quedas, Sidrolândia, Sonora, Tacuru, Taquarussu, Terenos, Três Lagoas e Vicentina.

Programa contempla várias cidades do estado de Mato Grosso do Sul
Foto: Divulgação

Comentários