01/07/2019 13h43

Aplicativo criado por alunos do Senac de Três Lagoas funciona como um assistente pessoal para vacinação, vinculado ao cadastro no SUS, e contém calendário de vacinação, vacinas necessárias de acordo com o usuário, informações sobre as vacinas, notificação um dia antes da data marcada para a vacina e alerta caso o usuário não compareça

Gisele Berto

O projeto “Ferramenta Alerta de Vacinas”, dos alunos Clayton Saboia e Brenda Eduardo da Silva, foi o vencedor da etapa local e vai representar o Senac Três Lagoas na etapa estadual do “Talento Profissional Senac MS”. O programa premia projetos inovadores, que criam ações de intervenção real na sociedade e/ou no mundo do trabalho.

A ferramenta é um aplicativo que funciona como um assistente pessoal para vacinação, que seria vinculado ao cadastro da pessoa no SUS. Contém calendário de vacinação, vacinas necessárias de acordo com o usuário, informações sobre o que a vacina previne, as possíveis consequências da não vacinação, alerta/notificação um dia antes da data marcada para a vacina e alerta caso o usuário não compareça para a vacinação via SMS ou WhatsApp. O objetivo da ferramenta é incentivar a redução da adesão ao esquema vacinal e o aumento das doenças que ocorrem pela falta de vacinas.

Outro projeto apresentando foi a “Pulseira Memória Ativa do Idoso”, dos alunos Antônio Júnior, Dyonatan Ramos e Janaina Duarte. A banca julgadora foi composta pelos representantes da Gerência de Orientação Técnico Pedagógica, Cláudia Maia Dezan, Gerência do Núcleo de Tecnologia, Paulo Cézar Felisberto, Gerência de Infraestrutura e Patrimônio, Reinaldo Camargo da Silva, Gerência de Orientação Técnico Pedagógica, Alexandre Melo, e pela analista da Gerência de Produtos Educacionais, Valeska de Oliveira Gonçalves Ferreira.

Participam do projeto alunos matriculados até o penúltimo semestre dos cursos de Habilitação Técnica de Nível Médio, oferecidos pelo Senac nas unidades do Estado. O foco do programa é estimular a pesquisa, a interação com a comunidade, com o ambiente real de trabalho e reconhecer alunos que, durante o curso, desenvolveram produtos que agregam valor e contribuem com as organizações e a sociedade.

Para diretor do Senac MS, Vitor Mello, o projeto oportuniza aos alunos o incentivo à pesquisa, inovação e o espírito empreendedor. “Nossos alunos são criativos, têm boas ideias, estão em contato com o mercado de trabalho e sabem das reais necessidades. E esse projeto tem o objetivo justamente de incentivá-los a pesquisarem novas ideias e colocarem em prática”, afirma.

Os vencedores das etapas locais são premiados com R$ 1,5 mil. Já os projetos escolhidos na etapa estadual, que será realizada em outubro, recebem o valor de R$ 5 mil e R$ 2 mil, primeiro e segundo colocados, respectivamente.

Alunos Clayton Saboia e Brenda Eduardo da Silva, vencedores da etapa local do programa Talento Profissional do Senac MS. Foto: Divulgação

Comentários