23/04/2013 10h11 – Atualizado em 23/04/2013 10h11

As vagas são para garotos de 4 a 9 anos

As aulas serão realizadas aos sábados, a partir das 7h, para as crianças de quatro a sete anos, e a partir das 9h, para as de oito e nove anos

Ricardo Mendes

O projeto social Centro de Treinamento Avançado de Futebol – Orestes Prata Tibery (CTAF-OT) está oferecendo vagas para treinamento de futebol para meninos da categoria mamadeira, que vai dos quatro aos nove anos de idade, ação que foi batizada como CTAFERINHAS.

A categoria já é atendida pelo projeto, mas o gestor, Tiago Paulista, está reorganizando o atendimento, visando trabalho específico para os atletas menores.

“Atualmente, temos vários meninos, que acabam treinando com os maiores. Nosso objetivo é que seja um treino especializado, tanto tecnicamente, quanto na parte motora e disciplinar”, explicou.

Para isso, os treinamentos serão coordenados por Jesus Arantes, ex-técnico de categorias de base de equipes paulistas, como AEA e Corinthians de Araçatuba. “O senhor Jesus Arantes tem enorme conhecimento de futebol e todo o know-how para treinar os atletas menores.

Ele já trabalhou no projeto e agora retorna para comandar os CTAFERINHAS”, afirmou Tiago Paulista.

Aos pais interessados, o gestor convida para uma reunião no próximo sábado (27), às 14h30, no campo da fazenda São João, localizada na estrada municipal de acesso ao Jupiá, atrás do loteamento Bosque dos Araras.

Neste local, acontecem os treinos do projeto, com o campo cedido pela família Prata Tibery.

As aulas para os CTAFERINHAS serão realizadas aos sábados, a partir das 7h, para as crianças de quatro a sete anos, e a partir das 9h, para as de oito e nove anos.

O PROJETO SOCIAL

Fundado em janeiro de 2011, pelo ex-jogador profissional de futebol, Tiago Paulista, o CTAF-OT tem o objetivo de socialização e formação de atletas-cidadãos.

A meta é a integração de meninos de quatro a dez anos, assim como de adolescentes de 11 a 19 anos, desenvolvendo o ideal de solidariedade, atuação em equipe, respeito, responsabilidade e construção de objetivos de vida, por meio do futebol.

Os atletas-cidadãos são oriundos de todos os bairros de Três Lagoas, porém grande parte é da Vila Alegre e Vila Piloto. De todas as classes sócio-econômicas, interagem nas equipes que têm disputado torneios locais e regionais.

Sem fins lucrativos, as parcerias têm proporcionado, aos alunos e familiares, apoio de uma assistente social. Também foi realizado convênio para que os atletas maiores façam preparação física nas academias Amado Moura e Best Life.

“Temos encontrado vários parceiros, que vestem a camisa do projeto junto com a gente porque não é fácil atender tantos atletas, dar uniformes, ter material esportivo e tudo que é necessário, sem fins lucrativos”, afirma Tiago Paulista.

Atualmente, os treinos ocorrem apenas no período da tarde, mas já foram realizados em dois turnos. “Sonhamos retomar os dois períodos porque, muitas vezes, atendemos garotos que não frequentam outros projetos”, conta Tiago.

O projeto também está se capacitando e buscando parcerias para formação dos meninos em meio ambiente, cidadania e prevenção ao uso de drogas. Para conhecer melhor o projeto e suas atividades, acesse a fan page no Facebook/JogabonitoBrazil (CTAF-OT).

CELEIRO DE DESTAQUES

Apesar do foco preferencialmente social, o projeto tem atuado na preparação e encaminhamento de atletas para equipes reconhecidas do futebol brasileiro. Exemplo são os atletas Gabriel Bottan e João Vítor, que estão integrando a categoria para nascidos em 1999 do São Paulo Futebol Clube, desde janeiro deste ano.

Após passarem por escolinhas da cidade e região, os meninos se inscreveram no CTAF-OT e foram preparados para os testes, de forma que o talento fosse transformado em técnica. Hoje, alojados em Cotia (SP), estão sendo formados por um dos maiores clubes do mundo.

Outro destaque encaminhado pelo projeto é Arthur Henrique, atleta nascido em 2001 que compõe, atualmente, a equipe de base do Avaí, de Florianópolis (SC). Com alto rendimento no clube, já foi sondado para integrar a Seleção Brasileira da categoria. Na mesma equipe, atua o jogador Lenon, outra revelação que teve sua oportunidade após encaminhamento do CTAF-OT.

Na semana passada, outra conquista do projeto social foi a contratação do goleiro Cristiano Domingos, de 17 anos, pela equipe profissional de Ilha Solteira (SP), o AEIS-SP, que disputará o Paulistão da série B.

Assim, nasce o primeiro profissional deste celeiro três-lagoense. Neste sentido, de preparação avançada, também são prospectados parceiros, como o técnico egípcio Mahmoud Mohamed, Em março, ele proporcionou workshop para goleiros da cidade e região e está elaborando programa para possíveis treinos permanentes.

Também estão sendo realizados contatos nacionais e internacionais e busca de apoios,com objetivo de intensificar a qualidade dos treinamentos.

Apesar do foco preferencialmente social, o projeto tem atuado na preparação e encaminhamento de atletas para equipes reconhecidas do futebol brasileiro (Foto: Direção do projeto)

Comentários