16/10/2003 14h47 – Atualizado em 16/10/2003 14h47

Campo Grande é uma das cinco cidades do país onde está sendo desenvolvido o projeto “Xadrez nas Escolas”, iniciativa do Ministério dos Esportes, que em Mato Grosso do Sul conta com o apoio das Secretarias Estaduais de Educação e de Cultura, Esporte e Lazer, da Fundesporte e da Fesmax (Federação Sul-mato-grossense de Xadrez).

Na Capital, 4,8 mil alunos de 40 escolas públicas estaduais receberão aulas de xadrez, com professores capacitados. O presidente da Fesmax, Orlando Silvestre, explica que inicialmente está acontecendo o treinamento desses professores, que atuarão em suas unidades de ensino.

O instrutor do Curso de Capacitação é o pedagogo paranaense Wilson da Silva, formado pela UFPR (Universidade Federal do Paraná), com especialização em Psicopedagogia, e mestrando em Educação, com o tema “Estratégias Cognitivas durante o Jogo de Xadrez”. A preparação dos professores acontece até sábado na Escola Estadual Joaquim Murtinho e no laboratório de informática da Uniderp (Universidade para o Desenvolvimento do Estado e da Região do Pantanal).

O Ministro dos Esportes, Agnelo Queiroz, comentou a importância do projeto, que ainda está em fase de avaliação: “Esse programa pode popularizar o jogo, que é considerado um instrumento de desenvolvimento humano e do raciocínio lógico, aumentando a capacidade de memorização e o pensamento dedutivo e melhorando o desempenho escolar de quem o pratica”.

Fonte:Campo Grande News

Comentários