19/04/2013 13h18 – Atualizado em 19/04/2013 13h18

Após investigações a DIG desbarata quadrilha que furtava propriedades rurais da região

No cumprimento do mandado de busca e apreensão três homens foram presos e um se encontra foragido, com eles foram encontrados armas, munições e produtos e equipamentos de uso em fazendas

Ricardo Mendes

Os investigadores da DIG de Três Lagoas desmantelaram uma quadrilha que vinha efetuando vários furtos em propriedades rurais no município, inclusive em propriedades de plantio de eucalipto.

Através de denúncias e informações obtidas os policiais iniciaram um trabalho de investigação dos suspeitos, e foi constatado que os mesmos apresentavam profissões que não condiziam com o padrão de vida levado por eles.

Após várias investigações um mandado de busca e apreensão foi expedido pela justiça de Três Lagoas e os policias prenderam 03 homens e vários produtos e equipamentos provenientes de furto.

Um dos homens presos Cleyton Gonçalves Borges, 31 anos é o proprietário da casa onde foram encontrados os equipamentos e insumos apreendidos.

Borges se encontra foragido, mas segundo seu advogado ele vai se apresentar para as autoridades policiais ainda hoje para esclarecer os fatos.

Os outros três homens presos são Adriano Pires da Silva, (33) anos, Cléber Gonçalves Borges, (32) anos e Paulo Cardozo Lima de (28) anos, sendo que Cléber Gonçalves e Paulo Cardozo foram soltos mediante ao pagamento de fiança.

Já Adriano Pires da Silva continua preso porque com ele foi encontradas armas e projéteis de uso restrito, que é crime inafiançável.

Com a quadrilha os policiais da DIG apreenderam Notebooks, insumos para uso em plantações de eucaliptos, caixas de ferramentas, baterias de tratores, macaco hidráulico, luvas e armas e munição de uso restrito.

UM CRIME QUE VEM AUMENTANDO

Em entrevista a equipe do Perfil News o delegado titular da DIG, Ailton Pereira de Freitas afirmou que a prisão dessa quadrilha pode ser somente a ponta de um novelo de uma quadrilha especializada em furtos a fazendas que vem atuando em Três Lagoas.

“Já temos o registro de mais de 10 Boletins de Ocorrência de crimes dessa natureza aqui em Três Lagoas, ás vezes são furtados grandes equipamentos ou até mesmo ferramentas de trabalho ou produtos que são utilizados na terra como insumos”, reiterou Pereira.

DENÚNCIAS

Os investigadores da DIG de Três Lagoas ressaltam a importância da denúncia e de informações realizadas pela população e donos de propriedades para a prisão de quadrilhas e de meliantes nesse tipo de crime.

“Muitos desses crimes são planejados e executados no período noturno, o que dificulta os trabalhos da polícia, mas quando há informações e denúncias os policias conseguem êxito nas buscas efetuando a prisões dos indivíduos e recuperando equipamentos e produtos.” Afirmou o investigador Marcos Montavani.

Policiais conseguiram prender armas e munições, inclusive de uso restrito, além de insumos agrícolas, celulares e até computadores (Foto: Ricardo Ojeda)

Adriano Pires da Silva, (33) anos está preso por portar armas e munuções de uso restrito (Foto: Assessoria DIG)

Cleyton Gonçalves Borges, fugiu do flagrante, mas se apresentou com advogado (Foto: Divulgação/Assecom)

Cléber Gonçalves e Paulo Cardozo foram soltos mediante ao pagamento de fiança (Foto: Divulgação/Assecom)

Comentários