06/12/2014 09h07 – Atualizado em 06/12/2014 09h07

Rastreamento georrefenciado de viaturas começa a ser implantado em MS

Ao todo são R$ 1,1 milhão em investimentos do governo do Estado, para atender os municípios de Campo Grande, Três Lagoas, Dourados, Ponta Porã e Corumbá

Notícias MS

Com o objetivo de reduzir o tempo de espera dos usuários e aprimorar o controle de veículos pelas instituições, o governo do Estado está implantando em 38 cidades de Mato Grosso do Sul, por intermédio da Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública), o sistema de rastreamento georrefenciado de viaturas da Polícia Civil, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Coordenadoria Geral de Perícias e do Departamento de Operações de Fronteira (DOF).

Ao todo são R$ 1,1 milhão em investimentos do governo do Estado, para atender os municípios de Campo Grande, Três Lagoas, Dourados, Ponta Porã e Corumbá, e mais R$ 20 milhões em recursos do Enafron (Estratégia Nacional de Fronteira), desenvolvido pelo governo federal, por meio da Senasp (Secretaria Nacional de Segurança Pública), que serão utilizados para implantar o sistema em mais 33 municípios localizados na faixa de fronteira de Mato Grosso do Sul, com a Bolívia e o Paraguai.

Por meio do sistema controlado via satélite, que já é utilizado em grandes centros como Rio de Janeiro e São Paulo, todas as chamadas disparadas para os números 190 de emergência da Polícia Militar e 193 do Corpo de Bombeiros são direcionadas para uma central que possui um programa de visualização em tempo real da localização de todas as viaturas, e assim despacha o atendimento para aquela que estiver mais próxima do local solicitado.

De acordo como secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, Wantuir Jacini, a implantação do rastreamento georreferenciado representa a modernização tecnológica da segurança pública e também um marco no controle das viaturas, que irá representar expressiva economia para o poder público. “Esse sistema também evitará a perda de rotas dos condutores de viaturas e de ligações dos usuários, que resultará em grande economia para o Estado”, destaca.

A previsão de conclusão das implantações é até a segunda quinzena de dezembro, de acordo com Rosângela Carneiro e Jaqueline Costa, coordenadora de Tecnologia e analista de Tecnologia da Informação da Sejusp, respectivamente, que são responsáveis pelas instalações em todos os municípios beneficiados. “As centrais já foram readequadas e os equipamentos, adquiridos, o que estamos efetivamente fazendo agora é encaminhamento dos materiais e a instalação, as quais serão concluídas ainda nessa primeira quinzena”, garante Jaqueline.

Mapa de viaturas

Em Campo Grande será instalado no Ciops (Centro Integrado de Operações de Segurança) um sistema de vídeo-wall, equipamento que será composto de nove telas de LCD de 50 polegadas cada uma, sobrepostas, que irão formar uma grande parede de vídeo, com imagens do mapa de Campo Grande e de Mato Grosso do Sul, mostrando a localização exata de cada uma das viaturas, paradas ou em movimento. Nos municípios do interior serão duas telas de 50 polegadas, com a visualização do mapa das áreas urbana e rural da cidade.

“Além de evolução tecnológica, esse sistema representa um grande avanço para a segurança pública, pois vai permitir o controle em tempo real das viaturas e equipes, propiciando economia de tempo e combustível, bem como eficiência do atendimento, o que é primordial para a população, e também da fiscalização dos veículos e do trabalho do efetivo policial como um todo”, afirma o coronel Geraldo Garcia Orti, titular da Superintendência de Políticas de Segurança Pública da Sejusp.

 A previsão de conclusão das implantações é até a segunda quinzena de dezembro. (Foto: Assessoria de Comunicação)

Comentários