11/02/2012 09h53 – Atualizado em 11/02/2012 09h53

Rede social ajuda com doações de medula óssea

Caso começou com o menino Juan, que com apenas 8 anos tem Leucemia e precisa de doadores

Adriano Vialle

No programa Perfil News de hoje (11) traz uma matéria especial sobre a importância da rede social como divulgação de correntes de solidariedade no caso do menino Juan, que apenas com 8 anos de idade tem Leucemia e precisa de doações. Por meio de colaboradores que viram a grave situação e sua avó Regina divulgou para seus amigos através da ferramenta do facebook, segundo eles a notícia comoveu até pessoas de outros estados, inclusive de outros países.

De acordo com a responsável pela doação de medula óssea no hemocentro de Três Lagoas, Vânia Nahas o aumento do número doadores foi surpreendente. “Em dezembro de 2011 tivemos apenas 27 doadores, porém em janeiro de 2012 tivemos cerca de 290 doadores, esse número nos surpreendeu”, informou.

A avó de Juan dona Regina Celia Dutra, contou com emoção como está sendo a solidariedade das pessoas. “Eu tenho muito a agradecer, de fato todos estão ajudando sou muito grata a notícia tomou uma proporção que nem eu estava imaginando”, disse.

Uns dos responsáveis por disseminar a noticia pela rede social, o policial Reneé Venâncio contou como foi a iniciativa. “Vi que minha amiga Célia estava precisando de ajuda, comecei a convocar meus amigos pelo facebook e deu certo, todos estão ajudando, estamos na torcida pela recuperação do Juan e de muitas outras pessoas que precisam de doação”, explicou.

Você confere está matéria na íntegra hoje (11) as 18h10 no Programa Perfil News, no SBT MS.

Célia Regina, avó de Juan fala da solidariedade das pessoas através da rede social
Foto: Cristiane Vieira

Comentários