Ele já havia sido preso em fevereiro por agredir outra ex-namorada; saiu da prisão em maio e teria voltado a cometer o mesmo crime

Um músico três-lagoense, preso no último final de semana por agredir a namorada, ficará preso preventivamente enquanto aguarda o julgamento.

O homem foi detido no domingo, 22, após esmurrar a namorada em uma festa. De acordo com o boletim de ocorrência, a agressão teria ocorrido porque a vítima teria ido embora da festa e levado o aparelho celular do homem. Quando a mulher retornou para devolver o aparelho foi agredida com murros no rosto.

Segundo a Delegada da Delegacia da Mulher, dra. Letícia Móbis, a justiça entendeu que era melhor manter a prisão preventiva do acusado, já que ele é reincidente. Ele já tinha contra si quatro boletins de ocorrência por violência doméstica contra uma ex-namorada. Teria, inclusive, ficado preso entre fevereiro e maio.

Comentários