18/04/2013 15h26 – Atualizado em 18/04/2013 15h26

As vacinas são para prevenção contra o vírus A/H1, A/H2N2 e influenza B

Durante o sábado dia D de vacinação todas as unidades de saúde de Brasilândia estarão abertas da 07 ás 16 horas

Ricardo Mendes

O Governo Municipal de Brasilândia por meio da Secretaria de Saúde informa toda a comunidade que neste sábado (20), será realizado o dia D da Campanha de Vacinação contra a Gripe A em todas as unidades de Saúde, das 7h às 16h.

Os postos de vacinação são: Centro de Saúde, Posto João André e USF (Unidade de Saúde da Família) 1, 2 e Debrasa. O dia é destinado principalmente para atender aquelas pessoas que trabalham e não tem tempo de irem aos postos nos dias úteis.

Durante a semana, as unidades de saúde vacinarão no horário de expediente: das 7h às 11h e das 13h as 16h30 até o dia 26 de abril. A população que poderá receber a vacinação deve procurar a unidade de saúde mais próxima da sua casa e não esquecer do cartão de vacinação.

O público a ser vacinado é: idosos acima de 60 anos, crianças de 6 meses a 2 anos incompletos, gestantes, mulheres que tiveram filhos no período até 45 dias antes da data de vacinação (puérperas), indígenas, trabalhadores em saúde e portadores de Doença crônica (que deverão apresentar o pedido médico).

Segundo o Secretário Municipal de Saúde, Oziel Soares, a vacina é contra o vírus A/H1, A/H2N2 e influenza B. “Este ano, é uma nova vacina, portanto, quem tomou no ano passado deverá ser imunizado novamente neste ano. A vacina não tem efeitos colaterais e nenhuma contra indicação”, ressaltou.

Além disso, o secretário explicou que a gripe é diferente do resfriado, pois apresenta febre alta, dor muscular, dor de garganta, dor de cabeça, tosse e pode complicar para pneumonia, principalmente para as pessoas acima citadas como grupo prioritário.

O Prefeito Jorge Diogo também recomenda que o grupo prioritário faça a sua parte e procure a unidade mais próxima para receber a vacina. “Com a chegada do inverno, esta época é propícia para o desenvolvimento de alguma gripe forte, principalmente no grupo elencado pelo Ministério da Saúde.

Por isso, peço a você que conhece alguém da família ou amigo que se encaixa neste perfil, que avise sobre a campanha e peça para que compareça e seja imunizado”, ressaltou.

População que se encaixa no grupo prioritário deverá receber a imunização (Foto: Divulgação Campanha)

Comentários