23/04/2019 10h32

Data é destaque no movimento “Abril Verde” que chama à atenção para adoção da cultura de segurança e saúde do trabalhador

Redação

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Três Lagoas, por meio da equipe do Setor de Vigilância em Saúde do Trabalhador da Diretoria de Vigilância em Saúde e Saneamento, vem participando, neste mês, do movimento “Abril Verde”, com atenção especial ao “Dia Mundial em Memória às Vítimas de Acidentes de Trabalho”.

O “Abril Verde” é um movimento de iniciativa popular com participação espontânea que chama à atenção da sociedade brasileira para adoção de uma cultura permanente de prevenção de acidentes e doenças no trabalho.

A escolha deste mês para ações direcionadas à saúde do trabalhador e a definição do dia 28 de abril como Dia Mundial em Memória às Vítimas de Acidentes de Trabalho lembra o trágico acidente da explosão de uma mina na cidade de Farmington, no Estado de Virgínia, nos Estados Unidos.

Neste acidente, ocorrido em 1969, morreram 78 trabalhadores, o que levou a Organização Internacional do Trabalho (OIT) a instituir essa data de homenagem aos trabalhadores, a partir de 2003.
No Brasil, a data que tem referência ao ocorrido nos Estados Unidos, é lembrada desde 2005, instituída pela Lei 11.121 como o “Dia Nacional em Memória das Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho”.

TRES LAGOAS

Em Três Lagoas, a equipe do Setor de Saúde do Trabalhador, coordenada por Maria Aparecida de Oliveira, vem intensificando ações de educação e prevenção de acidentes de trabalho, alusivas ao “Abril Verde”, desde 06 de abril, quando ocorreu a 3ª Expo Saúde, na Praça Senador “Ramez Tebet”, no Centro.

A escolha deste mês para ações direcionadas à saúde do trabalhador e a definição do dia 28 de abril como Dia Mundial em Memória às Vítimas de Acidentes de Trabalho lembra o trágico acidente da explosão de uma mina na cidade de Farmington, no Estado de Virgínia, nos Estados Unidos.

Neste acidente, ocorrido em 1969, morreram 78 trabalhadores, o que levou a Organização Internacional do Trabalho (OIT) a instituir essa data de homenagem aos trabalhadores, a partir de 2003.
No Brasil, a data que tem referência ao ocorrido nos Estados Unidos, é lembrada desde 2005, instituída pela Lei 11.121 como o “Dia Nacional em Memória das Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho”.

TRES LAGOAS

Em Três Lagoas, a equipe do Setor de Saúde do Trabalhador, coordenada por Maria Aparecida de Oliveira, vem intensificando ações de educação e prevenção de acidentes de trabalho, alusivas ao “Abril Verde”, desde 06 de abril, quando ocorreu a 3ª Expo Saúde, na Praça Senador “Ramez Tebet”, no Centro.

Nessa oportunidade, a equipe expôs aos visitantes os Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) e distribuiu mais de 100 mensagens de orientação e conscientização sobre a prevenção de acidentes de trabalho, como lembrou Maria Aparecida.

Ela ressaltou que, “a intenção é concentrar anualmente e neste período de abril uma série de atividades, que realizamos rotineiramente no nosso Setor da Saúde, mas que precisam de mais visibilidade e manifestações de apoio à causa da prevenção de acidentes e valorização da saúde do trabalhador”.
Estas ações, intensificadas no “Abril Verde” têm também como objetivo “estimular a adoção de procedimentos de saúde e segurança no trabalho e alertar para a importância de práticas que reduzam os números de ocorrências de acidentes e mortes de trabalhadores”, concluiu a coordenadora do Setor de Saúde do Trabalhador da SMS.

Nesta semana, a equipe está intensificando as ações, especialmente direcionadas aos trabalhadores, como palestras nas empresas e colocação de cartazes educativos, alusivos à mensagem do “Abril Verde”.

Comentários