27/02/2012 10h44 – Atualizado em 27/02/2012 10h44

Atualização e acompanhamento são necessários para recebimento dos benefícios a que têm direito as gestantes e mães que amamentam (nutrizes)

Assessoria de Comunicação

Todas as Unidades de Saúde do município de Três Lagoas começaram o acompanhamento semestral das famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família.

O objetivo é atualizar os dados cadastrais das famílias beneficiadas, principalmente, quanto ao compromisso de manter em dia a caderneta de vacinação, o crescimento e desenvolvimento das crianças, menores de 7 anos.

Uma outra condicionalidade, referente à Saúde, é que as mulheres, na faixa etária dos 14 aos 44 anos, também atualizem as informações, se estiverem grávidas ou amamentando, para que possam gozar de benefício específico e variável, destinado às gestantes e a nutrizes (mães que amamentam). Esse benefício é adicional ao que é recebido normalmente através do Programa Bolsa Família.

O ideal, conforme recomenda a coordenadora estadual do Programa Bolsa Família, Maria Aparecida Melo da Silva, da Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social de Mato Grosso do Sul, “é que as gestantes não esperem a visita das equipes para informar a gravidez, mas que compareçam pessoalmente às Unidades de Saúde do Município, para que recebam as informações devidas e o acompanhamento necessário”, disse.

Em fevereiro, 2.966 famílias de Três Lagoas foram beneficiadas com o Programa Bolsa Família, mantido pelo Governo Federal e gerenciado pela Secretaria Municipal de Assistência Social, Cidadania e Trabalho.

Comentários