23/01/2012 15h46 – Atualizado em 23/01/2012 15h46

No ano passado, foram tratados seis casos de Hanseníase no município

Assessoria de Comunicação

O dia 29 de janeiro (próximo domingo) é marcado pelo Dia Mundial do Hanseniano. Em Brasilândia, a Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, realiza nesta semana, nos ESF I e II e na UBS, orientações sobre a Hanseníase.

As atividades ocorrerão no decorrer do dia, enquanto os pacientes aguardam para serem atendidos, eles receberão orientações de enfermeiros sobre a doença e as formas de tratamento. No ano passado, foram tratados seis casos de Hanseníase no município. Todos os pacientes receberam tratamento gratuito pelo Sistema Público de Saúde.

“Estas ações são importantes pois esclarecem a nossa população sobre a doença e alertar aqueles que podem estar sofrendo com a doença a procurarem um tratamento adequado”, disse o Prefeito de Brasilândia, Dr. Antônio de Pádua Thiago.

HANSENÍASE

É uma doença infecciosa, transmissível e curável, que acomete principalmente a pele e os nervos periféricos (das extremidades do corpo). Manchas dormente na pele, esbranquiçadas ou avermelhadas; nódulos (caroços) e inchaços no rosto e nas orelhas ou dormência nas mãos são sintomas da doença. Havendo suspeita, procure o mais rápido possível a unidade de saúde mais próxima para o tratamento médico.

O diagnóstico precoce colabora com os resultados do tratamento. Quanto mais tardio o início do uso da medicação ou sua utilização inadequada, maior a probabilidade do indivíduo ficar com sequelas.

Hanseníase tem cura, mas quando não tratada pode causar deformação. O tratamento é grátis e está disponível para toda a população nos Postos de Saúde de Brasilândia.

Comentários