20/04/2013 11h12 – Atualizado em 20/04/2013 11h12

Da Redação

A Unidade Educacional do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/MS) apresentará o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego do Ministério da Educação (Pronatec), no dia 2 de maio, aos representantes dos Sindicatos dos Trabalhadores Rurais do Mato Grosso do Sul e outros movimentos sociais. O evento acontecerá no auditório da Federação da Agricultura e Pecuária do MS (Sistema Famasul).

Integrantes do Senar/MS estiveram com representantes do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), Federação dos Trabalhadores na Agricultura do MS (Fetagri) e Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) para definir os próximos encaminhamentos do Pronatec do Senar. As entidades citadas são solicitantes do programa.

Participaram do encontro os representantes do MDA, Vanessa Corrêa Silva e Marco Antônio Georges; da Fetagri, Suely Souza Melo e João Elson Ferreira, e ainda a coordenadora da Unidade Educacional do Senar, Maria do Rosário Almeida e a coordenadora regional do Pronatec pelo Senar, Leila Maciel.

Atualmente, o programa tem 110 turmas e 1.650 vagas pactuadas no Estado. “No dia 2, apresentaremos detalhes sobre o programa, cursos pactuados e pré-requisitos para os interessados”, explica Maria do Rosário.

Ainda nesta sexta-feira, Leila Maciel, esteve em Aquidauana, onde se encontrou com a equipe do Centro de Referência e Assistência Social (CRAS), viabilizando as demandas do Pronatec voltado à comunidade indígena da região.

No dia 3 de maio, duas turmas de alunos do Ensino Médio da Rede Estadual de Ensino, do município de Caracol, serão qualificadas pelo curso de Bovinocultor de Corte do Pronatec.

No mês de maio, mais três municípios serão contemplados com o programa. Eldorado receberá o curso de Tratorista Agrícola, que terá início no dia 14, com duas turmas e também Naviraí, que recebe a mesma capacitação a partir do dia 21. No mesmo dia, Chapadão do Sul, iniciará quatro turmas do curso de Horticultor Orgânico.

(*) Com informações de Nova News

Comentários