Muitos pais e educadores encontraram no isolamento social o momento ideal para introduzir seus filhos ou alunos na leitura; para isso a série Minuto Leitura ajuda a criar conteúdos que estimulem a criatividade e inspirem crianças, pais, responsáveis e educadores

Descobrir histórias, dar asas à imaginação e construir caminhos para novos mundos de forma colaborativa: essas são algumas das portas abertas pela prática da leitura e da contação de histórias. E foi pensando em divulgar algumas dicas de incentivo à leitura por meio do audiovisual, que a Rede Educare e a Fundação Educar DPaschoal desenvolveram a série “Minuto Leitura”.

O projeto tem como propósito criar de forma simples, com os recursos disponíveis, conteúdos que estimulem a criatividade e inspirem crianças, pais, responsáveis e educadores. A princípio, serão produzidos 20 vídeos sobre mediação de leitura e contação de histórias, com divulgação gratuita e semanal nos canais da Rede Educare e da Fundação Educar DPaschoal.

A iniciativa pretende, também, atender aos professores e parceiros do Projeto Cantos  Leitura, que possui 45  unidades em todas as regiões do Brasil.  O projeto permite que crianças e jovens tenham mais do que acesso livros, mas enxerguem o espaço como fonte de conhecimento e de prazer estético e considerem o livro como centro de referência. 

A contadora de histórias Juliana Furlanetti, da Fundação Educar DPaschoal, conta que a parceria faz parte da comemoração de 20 anos do “Leia Comigo!”, projeto que edita e distribui livros infantojuvenis com conteúdos que têm como premissa despertar a paixão pela leitura na vida da criança. “Enxergamos um grande potencial em uma iniciativa como o “Minuto Leitura”, para engajarmos cada vez mais pessoas a entenderem o livro como uma atividade prazerosa, como um brinquedo que ele é e também como ferramenta para explorar as habilidades socioemocionais”, explica Juliana.

Segundo a diretora da Rede Educare, Kátia Rocha, o material foi elaborado com o objetivo de incentivar a incorporação do hábito da leitura como fonte de conhecimento, estimular a programação de atividades lúdicas e atender as instituições com projetos de leitura.

“Consideramos a leitura como direito e a arte como caminho para ludicidade e socialização. Os vídeos foram criados com simplicidade, colaboração e afeto”, avalia Kátia Rocha.

Em pouco mais de 60 dias da pandemia no Brasil, o atual cenário é de adaptação tanto para escolas quanto para famílias, que precisam repensar em conjunto as rotinas e atividades das crianças. Em tempos de cuidado e mudança coletiva de hábitos, a contação de história pode ser uma importante ferramenta de transmissão de conhecimento e de valores como resiliência, cooperação, empatia.

O primeiro vídeo da série “Minuto Leitura” foi lançado no dia 21 de maio, nos canais da Rede Educare e da Fundação Educar DPaschoal: YouTube, Instagram e Facebook. Os vídeos podem ser vistos aqui. Para ver todos mais informações, acesse: http://www.redeeducare.com.br/ e http://www.educardpaschoal.org.br/.

Comentários