11/05/2016 17h03 – Atualizado em 11/05/2016 17h03

A senadora sul-mato-grossense foi a 15ª a ocupar a tribuna e defendeu o Impeachment da presidente Dilma Rousseff

Daniela Silis

A senadora três-lagoense, Simone Tebet (PMDB-MS), foi a 15ª a proferir discurso na tribuna do Senado Federal durante sessão extraordinária dessa quarta-feira (11). Em sua fala ela defendeu o Impeachment da presidente Dilma Rousseff, dizendo não ser um golpe, mas sim constitucional.

“O Brasil não está parando, o Brasil está parado”, disse a senadora do estado de Mato Grosso do Sul ao se referir ao desemprego e a inflação, desencadeados pela grave crise econômica que o país atravessa, citando dados de pesquisas realizadas recentemente. Ela ainda, para explicar melhor à dona de casa, que “ela vai hoje para o supermercado, ela não enche o carrinho”.

Simone aproveitou o tempo de discurso para falar sobre as dificuldades financeiras que o país atravessa e afirmou que vota a favor do Impeachment, pois o atual governo não semeou e “se semeou foi joio e não trigo”. Ela também criticou a atitude do presidente interino da Câmara que teria tentado ditar regras para o Senado.

Ao final de sua fala, a senadora fez uma oração pela paz nas terras brasileiras. O também senador sul-mato-grossense Waldemir Moka será o 27ª senador a ocupar a tribuna. Acompanhe a sessão ao vivo pela TV Senado.

A senadora três-lagoense Simone Tebet durante discurso na sessão extraordinária nessa quarta-feira (Foto: Reprodução/TV Senado)

Comentários