Vídeo mostra momento do assassinato do policial paraguaio Fredy Dias, na manhã de hoje; execução seria o início da retaliação dos bandidos à morte de oito membros da facção criminosa

Após o assassinato do policial paraguaio Fredy Dias, ocorrido na manhã de hoje, 13, em Pedro Juan Caballero, o Sindicato dos Servidores da Administração Penitenciária de MS (SINSAP) emitiu uma nota alertando os policiais penais, principalmente os que atuam na fronteira, para que “tenham atenção redobrada”. Conforme comunicado de forças policiais, o crime organizado pretende realizar ataques contra órgãos da segurança pública.

Vídeo mostra o momento em que o policial Fredy Dias é alvejado em Pedro Juan Caballero

A polícia desconfia que a morte de Fredy seja o início de uma retaliação do crime organizado depois de oito homens de uma facção criminosa terem sido mortos em confronto em unidades policiais brasileiras em Ponta Porã. Eles eram todos paraguaios e estariam envolvidos em diversos crimes.

Autoridades falam em retaliação por porte dos criminosos e nos meios policiais dos dois lados da fronteira isso já era aguardado. Há reforço policial tanto em Pedro Juan quanto em Ponta Porã para tentar evitar novos atentados contra policial e autoridades.

Comentários