08/04/2016 17h10 – Atualizado em 08/04/2016 17h10

O superávit da balança comercial de Mato Grosso do Sul com o exterior no mês de março deste ano é quase cinco vezes maior ao registrado no mesmo período de 2015.

Da redação

O superávit da balança comercial de Mato Grosso do Sul com o exterior no mês de março deste ano é quase cinco vezes maior ao registrado no mesmo período de 2015. No mês passado, o superávit foi de US$ 369 milhões, enquanto que em março de 2015, chegou a US$ 76 milhões. As informações estão na Carta de Conjuntura do Setor Externo do mês de abril, divulgada pela Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico (Semade). Clique aqui para fazer o download do documento.

De acordo com a Carta de Conjuntura, a soja em grão lidera a pauta de exportações em termos de valores, representando 29,32% do total exportado pelo Estado – o produto registrou alta de 95,86% em relação ao mesmo período no ano passado e, 120% em termos de volume. O segundo produto, em termos de valor, é a Pasta química de celulose com crescimento de 22,04% em relação a janeiro a março de 2015. No quesito volume, o milho é o primeiro produto.

O minério de ferro permanece em queda nas exportações seguindo a tendência verificada em 2015, de janeiro a março de 2016 acumula queda de 54,38%, comparado com o acumulado de janeiro a março de 2015. “É importante para economia do Estado o crescimento das exportações. Preocupa-nos a queda das exportações de minério para o período, mas neste momento o produto não apresenta demanda. Vale destacar ainda a China como principal parceiro comercial de Mato Grosso do Sul, com crescimento de55% da exportação em relação ao ano passado”, finaliza o secretário Jaime Verruck.

(*) Notícias – MS

O superávit da balança comercial de Mato Grosso do Sul com o exterior no mês de março deste ano é quase cinco vezes maior ao registrado no mesmo período de 2015. (Foto: Divulgação)

Comentários