Três Lagoas chegou a 50ºC de sensação térmica; hoje deve ser igual – ou pior!

Mato Grosso do Sul registrou ontem, 29, as maiores temperaturas máximas desde 1996, segundo a Estação Meteorológica da Uniderp/Anhanguera. Há possibilidade de que hoje, 30, esse recorde seja novamente batido.

A cidade que registrou os maiores números foi Coxim, onde a temperatura chegou a 42,6°C, com sensação térmica de 51°C. Campo Grande teve máxima de 38,8°C, com sensação de 47ºC.

Em Três Lagoas a temperatura alcançou 42,2ºC e 50ºC de sensação térmica e umidade relativa de 14%. “São as maiores máximas desde 1996. E amanhã pode ser maior. Não há previsão de chuvas”, destacou o meteorologista Natálio Abraão.

A umidade mais baixa de ontem em MS foi de 10% em Sonora, onde a temperatura chegou a 40,4°C e a sensação de 48°C. Coxim, que teve a temperatura mais alta, atingiu umidade de 12% e Campo Grande, 15%.

Outras cidades do Estado que atingiram as máximas mais elevadas em 24 anos foram Corumbá, onde está o Pantanal. Lá, a máxima foi de 40,6°C e sensação de 49°C com umidade de 22%.

Há alguns dias o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) tem emitido alertas de altas temperaturas e baixa umidade para todo Estado. E hoje não foi diferente. Onda de calor está prevista até 2 de outubro, período em que as temperaturas mais altas devem ocorrer.

As informações são do Campo Grande News.

Comentários