02/04/2018 10h13

Todos os meses, 300 motoristas têm CNH suspensa ou cancelada

Entre janeiro e março deste ano, 935 condutores foram punidos pelo Detran

Redação

A média mensal de condutores punidos com suspensão ou cassação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) em Mato Grosso do Sul chega a 311 entre janeiro e março. Dados do Departamento Estadual de Trânsito (Detran/MS) mostram que a quantidade é praticamente o dobro do que foi registrado ao longo dos meses no ano passado, quando mensalmente cerca de 162 motoristas eram punidos.

Em 2017, o interior contabilizou 1.234 apreensões de documentos e a Capital, 709, totalizando 1.943. Neste ano, já são 599 motoristas punidos nas cidades interioranas e em Campo Grande são 336 CNH’s suspensas ou cassadas. A soma chega a 935, com média de 311 de janeiro a março.

Este aumento mostra que os motoristas continuam praticando irregularidades previstas no Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Mesmo com o baixo número de efetivo para a fiscalização das ruas e a falta de equipamentos eletrônicos funcionando em Campo Grande, os dados foram catalogados em radares fixos e móveis, lombadas eletrônicas e abordagens policiais.

(*) Correio do Estado

Nas ruas da cidade é comum flagrar motoristas infringindo as leis de trânsito - Foto: Valdenir Rezende/ Correio do Estado

Comentários