O prefeito de Três Lagoas, Angelo Guerreiro, reuniu nesta quinta-feira (14) em seu gabinete alguns de seus secretários e diretores para tratar com o promotor de Justiça do Meio Ambiente e Urbanismo, Antônio Carlos Garcia, o início das tratativas para a construção de um Gatil e Canil Municipal em Três Lagoas.

Entre os secretários presentes, estavam Adriano Barreto da Secretaria Municipal de Infraestrutura, Transporte e Trânsito; Elaine Furio da Secretaria Municipal de Saúde e Celso Yamaguti, secretário Municipal de Meio Ambiente e Agronegócio. As diretoras de Meio Ambiente, Maysa Costa, e de Vigilância, Saúde e Saneamento, Larissa Linardi também participaram da reunião.

Objetivo

O Gatil e Canil Municipal tem como objetivo receber animais vítimas de maus tratos e em situação de vulnerabilidade, tendo assim a oportunidade de terem uma segunda chance em um lar para chamar de seu.

Para o prefeito Angelo Guerreiro, “a construção de um Gatil e Canil na Cidade precisa de começo, meio e fim e, por isso, reuni todos aqui para que possamos tirar definitivamente esse projeto do papel. Estamos prontos para que Três Lagoas possa oferecer um local que seja mais que um abrigo, mas um centro que ofereça um cuidado especial e especializado para estes animais que, assim como nós, também são importantes e precisam de atenção”, disse.

O promotor de justiça, Dr Antônio Carlos, se propôs a ajudar no projeto para que o mesmo possa ser realizado. “Vou levantar sobre possíveis fundos que podemos utilizar para a construção do local”, disse.

“Hoje, mesmo com todos os esforços, as protetoras que realizam esse trabalho por amor não têm condições de cuidar destes animais. Muitas vezes ajudamos com recursos próprios para não ver esses animaizinhos sofrendo nas ruas. Ter um projeto como este na Cidade é de grande importância para que haja maior conscientização da população para a adoção e cuidado destes animais”, comentou Gislaine Prietro, responsável pelo Projeto EAMAR (Empresa Amiga dos Animais de Rua), que também participou da reunião.

O projeto arquitetônico será apresentado na próxima reunião, agendada para o início do mês de fevereiro.

Comentários