Paciente deu entrada ontem na UPA com quadro de desconforto respiratório agudo grave e testou positivo para coronavírus; cidade tem 361 casos ativos

A Prefeitura de Três Lagoas, por meio do setor de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), divulgou o Boletim Epidemiológico COVID-19 desta quarta-feira (11).

Mais 17 casos foram confirmados como positivos hoje. Além disso, 23 pessoas finalizaram a quarentena, não apresentam sintomas e são consideradas recuperadas da doença.

Mais um óbito foi confirmado, sendo o 44º desde o início da pandemia. Trata-se de uma mulher de 68 anos, com cardiopatia e bronquite crônica que deu entrada no hospital ontem, 10, às 11h37 com queixa de desconforto respiratório agudo grave. A vítima tinha antecedentes patológicos de cardiopatia, bronquite crônica e tabagismo de longa data.

No hospital, estão 15 pessoas, quatro confirmadas em UTI pública e três em enfermaria pública, uma em UTI particular e uma em enfermaria particular. Entre os suspeitos, um está em UTI pública, três em enfermaria pública, um em UTI particular e um em enfermaria particular.

Três Lagoas chegou a 3.139 casos confirmados; dentre os positivos, 2.734 já se recuperaram da doença e 44 foram a óbito, então o número de casos ativos é de 361.

NOTA TÉCNICA DO ÓBITO

Às 11h37, deu entrada na Unidade Respiratória da UPA, I.V.R, 68 anos, com queixa de desconforto respiratório agudo grave. Foi encaminhada imediatamente para sala vermelha pela equipe da Unidade. Realizada aferição dos sinais vitais: pressão inaudível e saturação de 70%, que no momento evidenciou paciente em Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), e desconforto respiratório severo, evoluindo em parada cardiorrespiratória. O atendimento foi realizado segundo as diretrizes do Advanced Cardiac Life Suport (ACLS) e a paciente não respondeu as medidas de reanimação cardiorrespiratória e evolui a óbito. Paciente com antecedentes patológicos de cardiopatia, bronquite crônica e tabagismo de longa data. Realizado protocolo devido a óbito em Unidade Respiratória, seguindo as normais do Ministério da Saúde, com teste rápido para SARS-Cov2 (IgM +) e (IgG -), evidenciando infecção em atividade por Coronavírus.

Comentários