29/11/2014 09h56 – Atualizado em 29/11/2014 09h56

Entre os formandos está Deoclides Maciel de Oliveira, 91. Ele recomenda que todos da Melhor Idade participem do projeto

Gabi Rufino

Na noite de sexta-feira (28), aconteceu a formatura da terceira turma da UMI (Universidade da Melhor Idade), no anfiteatro da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), em Três Lagoas. Entre os formandos está um aluno de 91 anos, que não pretende abandonar o projeto.

ABERTURA

Na cerimônia de abertura os alunos fizeram um coro e cantaram duas músicas. A primeira foi “Mulher Brasileira”, de Benito Di Paula; a outra, “Amigos para Sempre” – versão brasileira, de Carlos Cezar e Sonia Mara. Outra apresentação foi a do aluno do último ano de Direito, Fabrício Alexandre. Ele fez um solo cantando a música Gratidão, da Igreja Adventista do Sétimo Dia.

A paraninfa, coordenadora e mentora do projeto, Vanessa Cristina Ferreira Casotti não participou da solenidade devido problemas de saúde, entretanto solicitou que sua filha, Victória Casotti a representa-se neste dia tão importante, e que justificasse sua ausência. A filha da paraninfa agradeceu à todos pelo apoio e finalizou dizendo: “Ela gostaria muito de estar aqui. Eu sei o quanto minha mãe ama vocês, e a UMI”.

CERTIFICAÇÃO

A entrega dos certificados foram feitas pelas autoridades presentes, entre eles, o Diretor do Campus, José Antônio Menoni; a Secretaria da Assistência Social, Mara Carrara; a Coordenadora do Centro de Convivência Tia Nega, Margarida Lopo; a gerente de sustentabilidade da Eldorado, Luciana Bortolucci; o presidente do CMDI (Conselho Municipal da Pessoa Idosa), Márcio Oliveira; e os vereadores Tonhão (PMDB) e Nilo Candido (PDT).

VOVÔ DESTAQUE

O aluno mais velho da UMI tem 91 anos. Deoclides Maciel de Oliveira, é aposentado este é o segundo ano consecutivo que participa do projeto e pretende continuar no próximo ano.
“É uma alegria poder participar, recomendo à todos que estão na terceira idade que entrem na UMI. Nós temos aulas de informática, inglês, espanhol, libras, participamos também do coral, entre outras atividades que faz com que nossa auto-estima melhore e que o desejo de viver aumente, por isto recomendo à todos”, declarou alegre.

UMI

A UMI (Universidade da Melhor Idade) é um projeto de extensão do Curso de Direito da UFMS e conta com a parceria da Secretaria Municipal de Assistência Social. Atualmente 54 alunos participam do projeto de extensão que teve início em 2012.

Formatura da UMI aconteceu no anfiteatro do campus I, da UFMS (Foto: Guta Rufino)

O aluno mais velho da UMI tem 91 anos. Deoclides Maciel de Oliveira. (Foto: Guta Rufino)

Comentários