15/04/2015 15h02 – Atualizado em 15/04/2015 15h02

Representantes da 2ª Cia de Infantaria serão alvo das homenagens, em comemoração aos 91 anos de existência da guarnição, em Três Lagoas

Assessoria

Por propositura do presidente da Câmara, vereador Jorginho do Gás, acontece nesta quinta-feira (16), sessão solene para homenagear militares e integrantes da Força Expedicionária.

Na oportunidade será entregue Moção de Congratulação aos representantes da 2ª Cia de Infantaria, em comemoração aos 91 anos de existência da guarnição, em Três Lagoas.

A sessão está agendada para as 19h, no plenário da Casa de Leis.

A chegada de tropas para mobiliar a guarnição iniciou-se com a Revolução de 1924. As tropas que chegaram ao município tinham por missão garantir a passagem sobre o rio Paraná, na região do Jupiá, permitindo o livre acesso entre os estados de Mato Grosso e São Paulo, assegurando a movimentação de tropas da Circunscrição Militar de Mato Grosso até o Estado Bandeirante.

Terminada a Revolução de 1924, permaneceu em Três Lagoas, um Destacamento Militar, com a missão de guarnecer a passagem rodoferroviária sobre o rio Paraná, em Jupiá.

As principais dependências da Companhia datam de 22 de julho de 1937 e construídas pra sediar a 4ª Companhia do 2º Batalhão de Fronteira, desde então o quartel passou por diversas denominações.

Febianos

Em comemoração aos 70 anos da Força Expedicionária do Brasil, três febianos serão homenageados na sessão desta quinta-feira (16), com a entrega de Moção de Congratulação. São eles:

Aroldino Batista Fernandes – integrou a tropa de artilharia da 1ª Divisão de Infantaria Expedicionária, participando por mais de 11 meses, da 2ª Guerra Mundial no Teatro de Operações da Itália.

Manoel Domingos – Integrou a tropa de Engenharia da 1ª Divisão de Infantaria Expedicionária, participando por mais de 10 meses, da 2ª Guerra Mundial no Teatro de Operações da Itália.

Augusto Manoel de Oliveira – Integrou a 1ª Divisão de Infantaria Expedicionária, participando da 2ª Guerra Mundial no Teatro de Operações da Itália.

(*) Assessoria de Imprensa CMTLS

Comentários