04/09/2007 15h09 – Atualizado em 04/09/2007 15h09

G1

Um apostador americano do Kentucky entrou com uma queixa na Comissão de Jogos de Indiana contra o Cassino Ceasars. Ele disse que foi jogar numa máquina caça-níqueis e ficou com a calça toda molhada. A cadeira onde ele se sentou estava inundada de xixi. Floyd Kibiloski, 60 anos, disse que a autora da sujeira foi uma mulher que estava sentada na máquina antes dele. “Não parece que eles têm ninguém no local para lidar com esse tipo de situação”, disse ele ao “The Courier-Jornal”. Kibiloski contou que, depois de suas calças ficarem molhadas, ele não conseguiu qualquer ajuda para lavá-las. E teve de ir até o carro para trocá-las por uma velha calça de ginástica. A porta-voz do Ceasars, Judy Hess, soube do incidente e disse que o cassino lamenta o ocorrido. Ela afirmou que eles “pisaram na bola”, porque cadeiras quebradas ou danificadas devem ser imediatamente removidas do salão de jogos. Angela Bunton, que analisa reclamações patronais da Comissão de Jogos de Indiana, afirmou que acredita que casos similares tenham acontecido “uma vez ou duas” nos 11 cassinos de Indiana. Viciados em jogo podem chegar a um estágio em que até os hábitos de higiene são ignorados, na opinião de Carol O’Hare, diretora executiva do Conselho de Nevada para Problemas em Jogos. Segundo ela, os jogadores podem passar horas e até dias diante das máquinas, sem comer nem tomar banho. Alguns apostadores confessaram que usam fraldas para não perder suas cadeiras nos caça-níqueis.

Comentários