20.8 C
Três Lagoas
sexta-feira, 24 de maio de 2024

Polícia Civil prende em flagrante autor de importunação sexual por descumprir medida protetiva de urgência em Dourados

Na tarde do último sábado (20), a Polícia Civil, por intermédio da Delegacia de Atendimento à Mulher de Dourados (DAM), com apoio da 2ª Delegacia de Polícia e das lideranças da Aldeia Bororó, cumpriram o Mandado de Prisão Preventiva em desfavor de M.S. (37 anos), expedido pela 2ª Vara Criminal. O indivíduo é investigado pela prática de um crime de importunação sexual ocorrido na região dos condomínios, no dia 22/03/2024.

Após a comunicação do crime à DAM, a equipe de investigação obteve êxito em identificar e qualificar o indivíduo. A partir disto, verificou-se que M.S. já possuía histórico como autor de violência sexual, tendo sido condenado pela prática de um crime de estupro de vulnerável ocorrido em 2016, bem como investigado em outro caso de um estupro de vulnerável da enteada ocorrido em 2022.

Quanto ao crime de estupro de vulnerável em 2022, a vítima C.G.N. (13 anos) estava protegida por uma medida protetiva de urgência, sendo esta descumprida de forma reiterada por M.S., que retornou ao lar e continuou convivendo com a adolescente. Diante disto, a Autoridade Policial responsável representou pela prisão preventiva do indivíduo e pela busca e apreensão na residência, pleito este deferido no início do mês de abril. Desde então, a equipe da DAM empreendeu diligências a fim de cumprir o Mandado de Prisão Preventiva.

Em 08/04/2024, a equipe policial esteve no local, mas não conseguiu efetuar a prisão, pois M.S. fugiu no local e se embrenhou na mata próxima. Mas, na ocasião, a DAM constatou o descumprimento da medida protetiva de urgência, visto que M.S. esteve convivendo com C.G.N., vítima de um estupro de vulnerável.

Em continuidade das diligências, na tarde deste sábado, a equipe logrou êxito em prendê-lo. Na oportunidade, foi realizado interrogatório do autor dos fatos que confessou o crime, alegando arrependimento.

Leia também

Últimas

error: Este Conteúdo é protegido! O Perfil News reserva-se ao direito de proteger o seu conteúdo contra cópia e plágio.