15.9 C
Três Lagoas
domingo, 21 de julho de 2024

Casal de atores de Fortaleza é preso por desviar doações para animais durante enchentes no RS

Na manhã desta quinta-feira (13), um casal de atores de Fortaleza (CE) foi preso sob suspeita de desviar doações destinadas ao resgate de animais afetados pelas chuvas e enchentes no Rio Grande do Sul.

Segundo o site Metrópoles, a investigação, conduzida pelo Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) e a Força-Tarefa Cyber, identificou o casal como responsáveis por criar 234 chaves Pix falsas para desviar as doações. Eles alteravam apenas um dígito das chaves reais, aproveitando-se de campanhas legítimas promovidas por influenciadoras de defesa animal.

A dupla, identificada como Aldanísio Paiva e Regina Belo, de 50 anos, utilizava documentos falsos para abrir contas bancárias onde os valores desviados eram depositados. Foram apreendidos diversos documentos falsificados durante a operação.

As campanhas de doação de Paola Saldívia, de Canoas, e Deise Falci, de Porto Alegre, foram algumas das afetadas. Ambas são protetoras de animais e ganharam muitos seguidores durante os resgates nas enchentes.

A polícia aguarda o bloqueio do sigilo bancário para determinar o valor total desviado. A operação, realizada com o apoio da Polícia Civil do Ceará, foi nomeada Dilúvio Moral Doppelganger, em referência ao casal ter se passado por outras pessoas para abrir as contas.

A Força-Tarefa Cyber foi criada para combater golpes e disseminação de fake news durante a tragédia climática. Até agora, 60 casos foram analisados e 30 inquéritos abertos. Pelo menos 71 sites, perfis e publicações foram retirados do ar.

Vítimas de golpes ou pessoas que identifiquem notícias falsas podem denunciar pelo telefone 197, 181 ou (51) 98444-0606, além de registrar ocorrência no site da Delegacia Online.

Leia também

Últimas

error: Este Conteúdo é protegido! O Perfil News reserva-se ao direito de proteger o seu conteúdo contra cópia e plágio.