09/09/2014 17h00 – Atualizado em 09/09/2014 17h00

Durante operação da Deic, acusado confessou o crime; Ele será transferido para Chapadão do Sul

Da Redação

Um foragido da justiça acusado de homicídio foi preso durante uma operação da Divisão Especial de Investigação e Captura (Deic), nesse sábado, dia 06 de setembro, no município de Junqueiro, cidade do agreste alagoano.

De acordo com o gerente do Núcleo de Inteligência da Deic, Presser, o acusado José Roberto da Silva, confessou que matou Maria Aparecida de Brito, no último dia 20, em Chapadão do Sul, Mato Grosso do Sul. Os policiais localizaram Silva no centro do município, o celular e o carro da vítima, um gol de placa OOJ-4491/MS.

Conforme as informações, José Francisco é alagoano e morava há 10 anos no Mato Grosso do Sul. Após o crime, fugiu para o estado onde tem família.

Silva foi levado para a sede da Deic, no bairro da Santa Amélia, e seria transferido para o Mato Grosso do Sul nesta segunda-feira (8).

O CRIME

Maria Aparecida de Brito, de 55 anos, foi encontrada morta a pauladas, no dia 20 de agosto, em sua casa, na cidade de Chapadão do Sul, Mato Grosso do Sul.

Veja as notícias do assassinato no Perfil News .

(*)Com informação de Jovem Sul News

José Roberto da Silva foi preso no município de Junqueiro (Foto: Cortesia/Deic)

Conforme as informações, José Francisco é alagoano e morava há 10 anos no Mato Grosso do Sul. Após o crime, fugiu para o estado onde tem família (Foto: Cortesia/Deic)

Comentários