15/05/2015 10h52 – Atualizado em 15/05/2015 10h52

Os agentes encontraram na carroceria, grande quantidade de maconha; foi constatado que a caminhonete foi roubada em julho de 2014 em Londrina/PR

Fábio Jorge

Na tarde de ontem, quinta-feira (14), policiais rodoviários federais da Base Operacional no km 21 em Três Lagoas após intensa perseguição, realizaram a apreensão de uma caminhonete roubada contendo em seu interior mais de uma tonelada de entorpecente.

Conforme nota da PRF, por volta das 14h, os policiais realizavam abordagens de rotina aos veículos que trafegavam pela rodovia, quando ao dar ordem de parada ao motorista de uma caminhonete Nissan Frontier de cor branca, Placas: EZS-0635, de Campo Grande, este não obedeceu e fugiu em alta velocidade pela rodovia.

Os policiais perseguiram a caminhonete pelo trecho, quando na altura do km 12, o condutor entrou em uma estrada de terra e arrombou a cerca de uma propriedade rural. A perseguição continuou por mais alguns quilômetros até o motorista colidir frontalmente o veículo contra uma árvore. Nesse momento, os dois ocupantes fugiram pela mata e não foram capturados.

Ao vistoriar a caminhonete, os agentes encontraram na carroceria, uma grande quantidade de maconha que totalizou 1.231,4 kg. Após consulta no sistema, foi constatado que a caminhonete estava com as identificações adulteradas, pois, a placa verdadeira é AVN-2013 da cidade de Londrina/SP e foi roubada em julho de 2014 na cidade de origem. A droga foi encaminhada para a Delegacia de Polícia Federal e a caminhonete entregue à DEPAC (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) de Três Lagoas.

A caminhonete fazia o trajeto Campo Grande a Três Lagoas. (foto: PRF)

PRF identificou as adulterações do veículo que estava com placas falsas. (Foto: PRF)

Comentários