Mulher, de 21 anos, deu entrada no hospital com um corte de faca no pescoço; ele teria dito a ela que se contasse a alguém seria morta

Uma mulher de 21 anos foi esfaqueada pelo companheiro, de 24 anos, na tarde de terça-feira, 2, em Selvíria.

Após ela dar entrada no hospital com um corte no pescoço, a equipe médica acionou a Polícia Militar: o ferimento teria sido causado por seu próprio companheiro. A vítima relatou ter sido ameaçada de morte, caso relatasse a violência sofrida para alguém. Ela tinha medida protetiva de urgência contra o agressor.

Imediatamente os policiais militares, em conjunto com a Polícia Civil, deram início à busca pelo homem, que foi encontrado pouco mais tarde, escondido, dentro da própria casa. Nesse momento ele recebeu voz de prisão sob a acusação de Feminicídio na forma Tentada.

O acusado, por sua vez, com muita agressividade, resistiu às ordens policiais e foi contido com uso da força e imobilizado com algemas. De lá foi conduzido até a Delegacia de Polícia onde foi redigida a lavratura do Auto de Prisão em Flagrante Delito.

Comentários