15/02/2012 08h28 – Atualizado em 15/02/2012 08h28

As votações só serão retomadas na terça-feira (28), quando deverá ser votado o projeto de lei que cria a Fundação de Previdência Complementar dos Servidores Públicos Federais (Funpresp).

Agência Brasil

O presidente da Câmara, deputado Marco Maia (PT-RS), informou hoje que a Casa não terá votações na semana de carnaval. Segundo ele, já é uma tradição da Câmara não fazer sessões deliberativas nesses dias, uma vez que as votações ocorrem sempre às terças e quartas-feiras. As votações só serão retomadas na terça-feira (28), quando deverá ser votado o projeto de lei que cria a Fundação de Previdência Complementar dos Servidores Públicos Federais (Funpresp).

Em relação à distribuição das comissões técnicas da Câmara, Marco Maia informou que amanhã (15) o grupo de análise da distribuição de vagas nas comissões, que é coordenado pelo deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP), deverá apresentar o parecer sobre o assunto. Segundo ele, se não houver entendimento, ele vai decidir sobre a composição das comissões, que deverão ser instaladas na primeira semana de março.

O PSD, partido criado no ano passado, reivindica espaço nas comissões, obedecendo à regra da proporcionalidade, já que o partido é a quinta maior força na Câmara. O líder do PSD, deputado Guilherme Campos (SP), disse que sua bancada quer ter um tratamento proporcional ao seu tamanho. “Não estamos atrás de prêmio de consolação. Queremos o reconhecimento de proporcionalidade”.

Comentários