06/12/2018 07h10

Decoração do aposentado Walter Bazan já é tradicional em Três Lagoas

Ricardo Ojeda

Imagine você levar sete meses do ano para instalar e desinstalar um decoração natalina. Pode parecer cansativo, mas não é para o aposentado Walter Bazan, que desde sua aposentadoria resolveu procurar uma atividade para preencher seu tempo ocioso.

Aproveitando a profissão de esposa, uma artesã, ele resolveu preparar alguns enfeites natalino para sua casa. A ideia agradou o aposentado que logo no primeiro ano recebeu um grande número de visitantes em sua casa. Os anos foram passando e a vontade de aprimorar, investir mais na decoração foi aumentando.

Decorridos oito anos, a casa do aposentado no mês de dezembro virou um polo de visitação de pessoas que vão ao local fazer seu registro fotográfico para guardar uma lembrancinha do Natal.

“No começo eu fui pegando ideias que eu via em outros lugares, mas depois vai abrindo a mente da gente”, conta o aposentado, sobre como planeja sua decoração, ano após ano.

O Perfil News bateu um papo com o aposentado e deu uma volta pelo interior da casa para mostrar a decoração de Natal mais famosa da cidade. Veja reportagem completa no vídeo.



Comentários