Homem de 57 anos estava internado em Três Lagoas

A Secretaria de Saúde de Brasilândia confirmou o registro do primeiro óbito em decorrência de Covid-19.

A vítima é o marceneiro André Cardamone Júnior, que estava internado desde 5 de maio na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Nossa Senhora Auxiliadora, em Três Lagoas.

Ele morreu às 20h32. Tinha 57 anos e deixa esposa e três filhos.

Boletim epidemiológico

A Prefeitura de Brasilândia também anunciou que chega a 15 o número de casos confirmados na cidade, que tem pouco mais de 12 mil habitantes. Há, ainda, mais dois casos suspeitos.

Os últimos casos confirmados são de uma mulher de 26 anos e de uma criança do sexo feminino, de cinco anos de idade. É a segunda criança de Brasilândia a testar positivo para coronavírus. O outro é um menino de seis anos que está em isolamento domiciliar.

Dentre os confirmados, uma mulher de 70 anos continua internada na UTI em Três Lagoas e os outros cumprem isolamento residencial. Ainda não há nenhum caso considerado recuperado.

Comentários