Igrejas haviam solicitado liberação de faixas etárias em reuniões religiosas e aumento da capacidade para 60%, mas foram vetadas pelo Comitê de Enfrentamento à Covid; veja o que muda a partir da próxima segunda-feira

O Comitê de Enfrentamento à COVID-19 se reuniu na tarde desta quinta-feira (18) para definir novas medidas para o comércio e instituições de Três Lagoas. As novas regras passarão a valer a partir de segunda-feira (22).

Segundo comunicado enviado à imprensa, igrejas evangélicas teriam pedido a liberação da entrada de crianças e idosos em cultos, mantendo vetados os doentes crônicos e grávidas. Também havia sido solicitado o aumento da capacidade de público, de 30% para 60%.

Entretanto o Comitê não aprovou a solicitação, mantendo as idades definidas e passando de 30% pra 40% da capacidade máxima.

O que muda

Esportes coletivos foram liberados desde que não haja o contato físico. Escolinha de futebol, por exemplo, voltará apenas para atividades individuais como treino funcional, para crianças acima de oito anos e respeitando o espaço entre os alunos.

As academias de Crossfit poderão ter o intervalo de 30 minutos entre as aulas para que haja a desinfecção dos locais e instrumentos de treino.

Cursos técnicos e cursos de inglês e informática poderão retornar com um alvará de liberação da Vigilância Sanitária, com as normas para cada local. Em todos os cursos só serão permitidos alunos de mais de 18 anos e menores de 60 anos.

Os feirantes do ramo de alimentação da feira noturna poderão disponibilizar 2 mesas com 3 cadeiras em cada, na frente de cada barraca. Não podendo ultrapassar o limite permitido, para que os clientes tenham um local para aguardar. Porém também será necessária a desinfecção constante dos materiais. 

Comentários