16/10/2003 14h45 – Atualizado em 16/10/2003 14h45

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva e seu colega paraguaio, Nicanor Duarte Frutos, assinaram memorando de entendimento em que assumem o compromisso de construir a segunda ponte ligando as cidades de Puerto Franco, no Paraguai, e Foz do Iguaçu (PR), no Brasil.

Ao assinar o documento, durante almoço no Itamaraty, Lula deu uma outra notícia ao paraguaio: a Câmara aprovou o projeto de decreto legislativo da Convenção que impede a dupla tributação em matéria de Imposto de Renda e também envolve a evasão fiscal entre os dois países, importante passo para alfandegar a segunda ponte. O texto já foi encaminhado para o Senado.

A idéia de construir a segunda ponte surgiu em 1992. Os dois governos, segundo Colombo, entendem que há um potencial de incentivo no intercâmbio comercial. A região de Foz do Iguaçu deverá ser beneficiada pelo “incremento do comércio bilateral, criação de empregos e estímulo a negócios para os microempresários exportadores locais”. Segundo ele, a nova ponte servirá apenas para o tráfego de cargas.

Fonte: Agora MS

Comentários