19/01/2012 09h05 – Atualizado em 19/01/2012 09h05

Ministros se reuniram para discutir sobre agricultura familiar

Os valores subsidiados deverão ter juros de 1% ao ano

Adriano Vialle

O município de Costa Rica, localizado na região do bolsão de Mato Grosso do Sul, pretende adquirir experiências em implantar modelo de agricultura familiar do Brasil.

Em visita ao ministro do Desenvolvimento Agrário, Afonso Florence e a ministra da Agricultura de Costa Rica, Gloria Abraham que está participando do I Encontro Iberoamericano de Gestão Territorial em Brasília, informou em nota que apenas 20% do feijão consumido em Costa Rica são produzidos pela agricultura familiar. A administração municipal quer elevar esse percentual utilizando-se alguns modelos de políticas públicas, como por exemplo: o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar e o Programa de Aquisição de Alimentos.

A ministra da Agricultura relatou sobre a estrutura fundiária equilibrada que carece de políticas públicas na área da agricultura familiar, sendo que 90% do café produzido em solo do município vem da agricultura familiar.

PROGRAMAS DESENVOLVIDOS

O ministro Afonso Florence apresentou programas desenvolvidos pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário e destacou o programa “Mais Alimentos” e explicou sobre o crédito subsidiado disponibilizando para o programa cerca de R$ 16 bilhões a 1% de juros ao ano para investimentos de R$ 10 mil e 2% acima deste valor para os agricultores familiares. Com informações.

Costa Rica mostra interesse em adotar agricultura familiar do Brasil
Foto: Divulgação

Comentários