24/02/2012 14h50 – Atualizado em 24/02/2012 14h50

Dos 1,1 mil jovens, nascidos em 1993 e anteriores, 100 irão ser selecionados para o Serviço Militar e posteriormente incorporados como soldados do Exército Brasileiro

Assessoria de Comunicação

Uma nova turma de 180 jovens, nascidos em 1993 e anos anteriores, prestou juramento à Bandeira Nacional e recebeu o certificado de dispensa do Serviço Militar, na manhã desta sexta-feira (24).

A solenidade foi na quadra de esportes da Escola Estadual Afonso Pena, na presença do comandante da 2ª Companhia de Infantaria do Exército Brasileiro, capitão Guilherme Naves Pinheiro; secretário municipal de Administração, Odair Biassi, representando a prefeita Márcia Moura (PMDB), que é a presidente legal da Junta do Serviço Militar do Município de Três Lagoas; chefe da Junta do Serviço Militar, Antônio Donizete Barbosa; e o assessor especial da Câmara Municipal, Mamed Jarouche, representando o presidente do Poder Legislativo, vereador Jurandir da Cunha Viana Júnior (PMDB).

Dos 1,1 mil jovens, da classe de 1993, que se alistaram na 186ª Junta do Serviço Militar, pertencente à 4ª Delegacia do Serviço Militar, com sede em Paranaíba, e que por sua vez está agregada à 30ª Circunscrição do Serviço Militar, sediada em Campo Grande, apenas um contingente de 100 jovens irá servir ao Exército Brasileiro, a partir de 1º de março, quando serão incorporados como novos recrutas.

Após o processo de alistamento militar, houve a dispensa imediata de 800 jovens. Os demais passaram por novas etapas de seleção até à definição dos 100 escolhidos para servir ao Exército Brasileiro.

O momento mais expressivo da cerimônia foi o juramento à Bandeira Nacional, principal símbolo sagrado da Nação Brasileira e o canto do Hino Nacional, canção que representa a comunhão de uma história e ideais do povo brasileiro.

“Todos os anos, a Nação convoca novos cidadãos para o serviço militar. Infelizmente, (por excesso de contingente) vocês não foram selecionados para conviver, por um período determinado com o Exército Brasileiro, que é de todos vocês”, disse o comandante da 2ª Companhia de Infantaria. No entanto, “existem momentos em que toda a Nação precisa se unir” e, se for necessário, irá convocar vocês, completou o capitão Naves.

“Vocês não prestarão serviço militar, mas deverão permanecer de prontidão para servir à Pátria”, disse o secretário Odair Biassi. “Como profissionais e cidadãos bem sucedidos em qualquer área que atuarem vocês também estarão contribuindo para o engrandecimento da família, da Cidade e da Nação”, observou Odair Biassi.

“Façam tudo para que a Cidade e a Nação sejam gratos a todos vocês”, recomendou o secretário, falando em nome da prefeita Márcia Moura.

O momento mais expressivo da cerimônia foi o juramento à Bandeira Nacional, principal símbolo sagrado da Nação Brasileira e o canto do Hino Nacional, canção que representa a comunhão de uma história e ideais do povo brasileiro.
Foto: Assessoria

Comentários