25/05/2015 15h42 – Atualizado em 25/05/2015 15h42

Sete pessoas foram presas por tráfico de drogas, além de duas caminhonetes e cinco automóveis apreendidos nas operações

Fábio Jorge

Em menos de sete dias, Policiais do 2º Batalhão de Polícia Militar de Três Lagoas apreenderam cinco toneladas de maconha. As apreensões ocorreram entre os dias 18 a 24 deste mês, resultando na prisão de sete pessoas, sendo seis homens e uma mulher de 23 anos por tráfico de drogas. Também foram apreendidos um veículo Astra de cor preta, um HB-20 de cor prata, duas caminhonetes GM S-10, todos carregados com drogas. Um automóvel Celta de cor azul, um Fiat Siena de cor azul e uma GM Meriva de cor branca também foram apreendidos por estarem atuando como batedores do carregamento de drogas.

As apreensões começaram no fim da manhã da última terça-feira (19). A Polícia Militar foi acionada a prestar apoio a uma guarnição da Polícia Rodoviária Federal que, durante fiscalização na rodovia BR-262, iniciou um acompanhamento tático a um veículo GM/ Astra que durou até a entrada da cidade de Três Lagoas.
Policiais militares da ROTAI realizaram diligências e conseguiram localizar o veículo Astra, contendo em seu interior, seis fardos cheios de tabletes de maconha, totalizando 291 quilos de maconha. Duas pessoas que estavam em um veículo Celta foram presas em flagrante por estarem atuando como batedores do carregamento.

HB-20 ABANDONADO

Na sexta feira (22), por volta das 07 h, a PM de Agua Clara recebeu denúncias de que um veículo suspeito transitando pela rodovia MS-377. Os militares deslocaram ao local e por lá encontraram o automóvel HB-20 de cor prata abandonado às margens da rodovia, e em revista ao interior do veículo, foram localizados vários tabletes de maconha que, após pesados totalizaram 810 quilos da droga.

MAIS DE UMA TONELADA NO SÁBADO (23)

Na manhã do último sábado (23), policiais militares foram solicitados pela equipe da Polícia Rodoviária Federal (PRF) para apoiar na abordagem de um veículo S-10 de cor marrom que não havia obedecido à ordem de parada na base operacional do km 21 na BR-262. Uma guarnição da ROTAI se deslocou até a rotatória de saída para Brasilândia e os policiais visualizaram o veículo suspeito na entrada da cidade. O condutor da caminhonete S-10 novamente não obedeceu à ordem e empreendeu fuga.

Foi realizado um acompanhamento tático, e minutos depois o veículo foi encontrado abandonado no bairro Jardim Alvorada, após a polícia dispara um tiro no pneu. Na carroceria da caminhonete e no banco traseiro foram encontrados muitos tabletes de maconha que pesaram 1,220 quilos. Nesta ocorrência foi preso em flagrante um casal residente da cidade de Ponta Porã, por estarem atuando como batedor do o veículo S-10 que estava carregado com drogas.

NA REGIÃO DO BATUÍRA

Já por volta das 17h30 do sábado (23), um policial militar de folga recebeu a denúncia de que três pessoas em um veículo Meriva estariam em atitudes suspeitas pela região da MS-320, onde os mesmos estariam fazendo diversas perguntas aos moradores da região.

Os militares se deslocaram ao local e conseguiram abordar os três suspeitos sendo jovens de 21, 23 e 25 anos de idade. Em entrevista, os autores tentaram esconder informações da guarnição policial, porém após entrarem em contradição, acabaram confessando que estariam transportando drogas em uma caminhonete S-10 e que estariam perdidos pela região, pois tiveram que entrar nesta rota após um HB-20 ser apreendido em Água Clara.

Os policiais Militares localizaram o veículo S-10 e apreenderam 2,5 toneladas de maconha. Diante dos fatos, os autores foram presos em flagrante e encaminhados ao Distrito Policial para providências cabíveis.

com informações Assessoria de Comunicação

Droga apreendida no último sábado em S-10 que vinha de Ponta Porã (foto: Fábio Jorge)

Comentários